Envie seu vídeo(11) 97569-1373
segunda 30 de novembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 30/11/2020
PMMC NOVEMBRO AZUL
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
Sec de Governo - Educação Kit de Atividades - Novembro
PMMC MULTI 2020 NOV

Queda da dengue

27 MAI 2016 - 08h00

Os esforços dos municípios, Estado e governo federal para tentar reduzir os casos de dengue em todo o País parecem ter dado resultados satisfatórios.

Nas últimas semanas, o DS chegou a divulgar reportagens mostrando que os casos da doença, causada pelo mosquito Aedes aegypti, vem caindo.

Na semana passada, o número de casos de dengue registrados entre janeiro e abril deste ano no Estado de São Paulo foi 81% menor do que no mesmo período de 2015.

O dado é positivo porque mostra que a ampla campanha de conscientização garantiu bons resultados.

Outra boa notícia é a queda de 90% no número de mortes pela dengue. Em 2015, no primeiro quadrimestre, foram 403 óbitos. Em 2016, 44, ou seja, queda de 90% em todo o Estado.

O levantamento foi feito pela Secretaria de Estado da Saúde com base nos dados informados pelos municípios paulistas por intermédio do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan).

Entre todos os municípios paulistas, 71 não registraram nenhum caso, até o momento.

A redução expressiva é resultado da intensificação das ações de combates ao Aedes aegypti.

É importante ressaltar também a colaboração do poder público e da sociedade civil.

Mesmo assim, não se pode “baixar a guarda”.

Não existe trégua ao mosquito. As autoridades de saúde precisam contar com toda a população para dar continuidade ao enfrentamento às Arboviroses e, assim, aumentar a proteção à população.

Em todo o Estado, foram visitados mais de 24 milhões de imóveis, o que resulta em 150% do total, ou seja, alguns imóveis foram vistoriados mais de uma vez .

Em 2015, São Paulo registrou 189 casos importados de Chikungunya, o que mostra que os pacientes não contraíram a doença no Estado. Neste ano, foram registrados 366 importados e 55 autóctones.

Os números divulgados pelo Estado mostra que é preciso continuar avançando em busca, de no futuro, zerar os casos de dengue do Brasil.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias