Envie seu vídeo(11) 4745-6900
segunda 12 de abril de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 11/04/2021

Ranking da vacinação

05 FEV 2021 - 05h00
Desde o surgimento do novo coronavírus na China no fim de 2019, o mundo já registrou mais de 2,2 milhões de mortes em decorrência da doença. Mas a maior aposta da humanidade para o fim da pandemia, a tão esperada vacina, já é realidade e, em alguns países, as curvas de mortes e novos casos já começam a despencar com o avanço das campanhas de imunização.
O site Our World in Data, ligado à Universidade de Oxford, no Reino Unido, compila os diversos números referentes à vacinação ao redor do mundo, com o objetivo de quantificar e comparar as campanhas de vacinação entre os países.
Em número absolutos, já foram aplicadas 103,81 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 em todo o globo, segundo os dados compilados pelo site. Nesse recorte, o País que mais vacinou até o momento foi os Estados Unidos, com cerca de 32 milhões de doses aplicadas até o momento. 
Na edição de ontem, o DS trouxe ranking do número de vacinados por cidade.
O levantamento mostrou que pouco mais de 9,1 mil pessoas já foram vacinadas contra o novo coronavírus (Covid-19) no Alto Tietê. Dados da Secretaria Estadual de Saúde apontam que Suzano foi a cidade que mais aplicou a primeira dose da vacina na região. 
O município ocupa a 27ª posição no ranking, superando várias cidades mais populosas de várias regiões do Estado, como Osasco, Carapicuíba, Jundiaí, Diadema e Piracicaba (todas superam 400 mil habitantes, com Osasco chegando a quase 700 mil).
Inclusive, Suzano supera até Mogi das Cruzes, a mais populosa do Alto Tietê, que aparece na segunda posição do ranking da região. 
Em todo o Estado, a lista é encabeçada pela cidade de São Paulo, que já iniciou a imunização em 142,2 mil paulistanos. Campinas, no Interior, é a segunda colocada, com 28,8 mil vacinas aplicadas, enquanto São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, aparece em terceiro, com 15,2 mil.
Os dados estão sendo contabilizados desde 17 de janeiro, primeiro dia de vacinação no Estado, e são passados para o governo pelas prefeituras. Os números são atualizados diariamente.
A vacinação é muito importante. Segundo especialistas, quando nosso sistema imunológico está em baixa, o corpo fica mais suscetível a infecções e ao desenvolvimento de doenças desagradáveis.
Não é à toa que pessoas com o sistema imune comprometido sofrem ainda mais com doenças oportunistas.
Para driblar o problema da imunidade e ficar bem longe de consequências desastrosas dos vírus, é essencial fortalecer o sistema imune. Além de se alimentar e dormir bem, a vacinação é uma ação extremamente bem-vinda para melhorar a resposta do sistema imune.
Mas, como isso pode ajudar com o coronavírus? Acontece que a imunização evita uma série de doenças que podem comprometer o organismo e deixá-lo fraco – abrindo portas para a infecção do novo vírus.
Então, a imunização surge como uma importante aliada para prevenir problemas sérios relacionados com o Covid-19. 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias