Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 05 de agosto de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 04/08/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Reforma na Raul Brasil

06 MAI 2020 - 23h59
O DS trouxe, nesta semana, reportagem mostrando que após sete meses em obras, a Escola Estadual Professor Raul Brasil, em Suzano, teve sua reforma concluída. 
Uma boa notícia para esta escola que viveu uma tragédia no ano passado. Os estudantes, por enquanto, ainda não poderão ocupar o novo prédio por conta da quarentena. A expectativa é para julho.
Segundo a Secretaria de Educação do Estado, os 1.087 alunos matriculados devem retornar à unidade de forma gradual em julho, caso a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) seja controlada até lá.
Os muros externos foram pintados de branco, mesma cor usada em boa parte das paredes internas da escola. 
Além de todo o trabalho da reforma, o atendimento psicológico para as vítimas que conseguiram escapar do atentado na escola prossegue.
Mas, não há dúvida que ao retornarem à escola, os estudantes vão encontrar um novo espaço. Talvez não faça esquecer a tragédia, mas pode servir de um alento no retorno às atividades.
O muralista Eduardo Kobra vai pintar painéis internos e os muros externos da escola. Os desenhos serão criados a partir de um concurso que vai reunir os alunos das 60 escolas de Suzano e selecionar os melhores trabalhos.
Os dois novos prédios da escola ganharam as cores azul e amarela, e tiveram as portas e janelas instaladas.
Só para se ter uma ideia, com início em outubro de 2019, a obra custou R$ 3,1 milhões, sendo que R$ 2,7 milhões serão pagos por empresas parceiras.
Um dos blocos que foram construídos na escola será destinado à parte pedagógica e contará com novas e maiores salas de aula dotadas de maior luminosidade. O outro será específico para a parte de gestão da escola. Ele vai comportar a direção da unidade e a sala dos professores – essa última considerada um problema do prédio antigo, já que era muito pequena.
Era importante a realização da obra. Além de aumentar a segurança das pessoas que a frequentam, o objetivo do projeto foi de repaginar a unidade. De mudar a imagem ruim que ficou após o ataque ocorrido em 13 de março de 2019.
Agora é aguardar pelo retorno dos estudantes e que a vida, na medida do possível, possa voltar à normalidade para eles.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias