Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 11 de dezembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 10/12/2019

Segurança nas rodovias

05 SET 2019 - 23h59
Segurança nas rodovias é de extrema importância. Não apenas pela questão de assaltos e outros crimes, mas principalmente para reduzir o número de acidentes com vítimas fatais.
Na edição de ontem, o DS trouxe reportagem mostrando que as cabines telefônicas das rodovias do Alto Tietê poderão deixar de existir. Os dispositivos servem para que motoristas solicitem ajuda médica e mecânica. As concessionárias, como Ecopistas e SP Mar, estudam ampliar o sistema wi-fi das vias, o que vai permitir que esses pedidos sejam realizados por meio do celular.
A tecnologia wi-fi está presente na região. A Ecopistas, responsável por administrar o Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto, disse que foi feita a instalação do sistema, em um trecho da via, no ano passado. 
"A rede wi-fi é destinada exclusivamente para o acionamento do CCO (Centro de Controle Operacional). Ela está disponível no trecho do prolongamento da rodovia Carvalho Pinto, entre o km 126,1 e o km 134,7 (região de Taubaté)", afirmou em nota.
Mas, a rede também pode ser utilizada por motoristas. “A rede pode ser encontrada pelo nome 'ecopistas_sos' e, quando selecionada, levará o usuário à tela SOS para contato com os operadores do CCO, que direcionará o recurso necessário para atendimento”, completou a concessionária. Há ainda estudos para uma possível ampliação do sistema. No entanto, segundo a Ecopistas, o plano é “continuar estudando melhorias na comunicação entre usuários e a empresa”.
A SP Mar, concessionária responsável pelo Trecho Leste do Rodoanel Mário Covas (SP-21), afirmou que as novas vias de concessão da empresa não possuem mais pontos de ‘call-box’ - cabines telefônicas. O antigo sistema para ligações de emergência também foi substituído por rede wi-fi. 
"O wi-fi, incluso nos novos contratos de concessões de rodovias de São Paulo, serve apenas para o atendimento ao usuário em casos de emergência (socorro mecânico ou médico). Assim como para fornecer informações sobre as condições das rodovias, uma vez que essas novas rodovias não dispõem de 'call-box'", informou a SP Mar.
PEDÁGIOS
Apesar de revelarem estudo e a implantação da tecnologia wi-fi, as concessionárias descartaram qualquer tipo de alteração no valor dos pedágios, em virtude ao novo serviço. 
“O valor do pedágio é reajustado todos os anos, conforme previsto no contrato de concessão firmado com o Governo do Estado de São Paulo, em 2009, e acompanhado pela Artesp (Agência de Transporte de São Paulo)”, informou a Ecopistas. 
Já a SP Mar disse que “a inclusão dele (pedágio) no contrato não é uma decisão da concessionária”, finalizou.
Ampliar o sistema de segurança nas rodovias, para que pedidos possam ser realizados por celular, vai facilitar o prodecimento dos motoristas e tornar mais eficaz os atendimentos, principalmente os médicos.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias