Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 13 de dezembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 12/12/2019

Vizinhança Solidária Escolar

17 SET 2019 - 23h59
O Projeto Vizinhança Solidária tem se expandido pela região e Estado.
É um conjunto de ações que busca, por meio da prevenção primária, melhorar a segurança pública local, incentivando a vizinhança a adotar medidas capazes de prevenir delitos e colaborar com o policiamento.
Em 2009, o Vizinhança Solidária foi criado pela Polícia Militar, quando foram procurados por um grupo de síndicos de prédios no Itaim Bibi. 
A ideia do programa foi de promover reuniões periódicas entre vizinhos, com participação de representantes da polícia, para discutir ações de segurança.
Desde então, tem sido aplicado em diversas localidades, com bastante êxito. 
Segundo a polícia, o programa consiste em resgatar o entrosamento entre os moradores de uma mesma rua, com o objetivo de estabelecer um vinculo solidário como ferramenta para facilitar o policiamento preventivo, redução da criminalidade local e busca de soluções adequadas para os problemas relativos à segurança dos moradores.
Geralmente os vizinhos se encontram periodicamente para discutir ações coletivas relacionadas a segurança. Eles compartilham dados de contatos para troca de informações e em casos de emergências. 
Também criam um grupo de WhatsApp para facilitar a comunicação.
Em Suzano e região funciona em vários bairros. 
Na edição de ontem, o DS trouxe novidade sobre o programa.
O Conselho de Segurança (Conseg) do Boa Vista vai propor, no próximo dia 30, às 19 horas, a criação da "Vizinhança Solidária Escolar". 
O projeto consiste na elaboração de um grupo de Whatsapp, que será composto por policiais militares, funcionários e diretores da Escola Estadual Oswaldo de Oliveira Lima, localizada no Jardim Revista, além de pais de alunos da unidade.
A ideia é que, com a criação desse grupo, ações policiais contra usuários e vendedores de entorpecentes e bebidas alcoólicas sejam feitas com maior agilidade no entorno e no interior da escola.
Além de aproximar as famílias da escola, a integração auxiliará na redução das práticas ilegais "24 horas por dia". 
O objetivo é que, no futuro, o projeto seja expandido para toda a região Norte e, se possível, para toda a cidade.
A criação de ferramentos de combate e prevenção à violência sempre são importantes para que os índices venham cair e a população tenha sensação maior de segurança no seu dia-a-dia.
A expectativa com a novidade do Vizinhança Escolar é de que seja adotado em todos os bairros da cidade.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias