Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 01 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 01/10/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
ÚNICCO POÁ
SOUZA ARAUJO

Centurión revela drama e agora espera se destacar no São Paulo

21 JAN 2016 - 07h00

O ano começou diferente para o atacante argentino Centurión no São Paulo. As mudanças no elenco, junto com a vinda de um técnico compatriota, Edgardo Bauza, deram ao jogador a chance de começar a temporada como titular. A nova fase coincidiu com uma conquista na vida pessoal, fator decisivo para que o atleta ex-Racing se sinta mais à vontade no Brasil.

Contratado por R$ 14 milhões no começo do ano passado, Centurión conviveu com a reserva e admite ainda não rendido o esperado no São Paulo. A aposta dele é ter um 2016 diferente, principalmente por ter superado um problema com a namorada, Melody Pasini. "Quando cheguei aqui com minha namorada, tive um problema pessoal complicado. Mas foi pouco. Depois com o tempo, com a ajuda dos meus companheiros, pude passar esse momento", afirmou.

Centurión corre após levar trote durante seu aniversário de 23 anos

Centurión corre após levar trote durante seu aniversário de 23 anos

Melody precisou se submeter a um tratamento para se curar de um câncer. A rotina incluía viagens à Argentina, o que atrapalhou a adaptação de Centurión. O atacante chegou a despertar a preocupação no ano passado do então técnico Muricy Ramalho por ser tímido e ter pouca proximidade com colegas. O idioma era uma barreira, agora já superada pela vivência no Brasil e pela chegada no São Paulo de estrangeiros que falam espanhol.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias