Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 23 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/09/2020
PMMC COVID SAÚDE
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Em alta tensão, Santos e Palmeiras abrem final da Copa do Brasil na Vila

25 NOV 2015 - 07h00

Santos e Palmeiras fazem hoje o primeiro jogo da decisão da Copa do Brasil com tudo que um grande clássico do futebol brasileiro tem para oferecer. Rivalidade, provocações, mistérios, polêmicas, entre outros ingredientes para esquentar o jogo que começa às 22 horas na Vila Belmiro. Neste clima de tensão, dois garotos podem fazer a diferença: Gabriel, dos Santos, e Gabriel Jesus, do Palmeiras

Desde o começo do ano, o Santos sempre esteve no caminho do Palmeiras e vice-versa. Antes mesmo de a bola rolar, os rivais já começaram a se confrontar nos bastidores. Em meio a briga na Justiça para deixar o clube, Aranha e Arouca foram parar no time alviverde. Depois, nova disputa, agora pela taça do Campeonato Paulista.

Desta vez, deu Santos, com direito a provocações de Robinho, Gabriel e Alisson cantando funk ironizando o rival e Dudu expulso após empurrão no árbitro Guilherme Ceretta. A derrota não foi esquecida pelos palmeirenses, que admitem um gostinho de vingança na decisão que se inicia nesta quarta.

No Campeonato Brasileiro, mais polêmicas. Ricardo Oliveira e Fernando Prass, dois dos mais importantes jogadores de cada clube, trocaram provocações, empurrões e destilaram ironia um contra o outro. Sem contar vários jogadores que nas últimas duas partidas discutiram e trocaram farpas.

O primeiro tempo desse encontro acontece na Vila e, quarta-feira que vem, a decisão será no Allianz Parque. Em relação aos times, mistério dos dois lados, com treinos fechados, mas a verdade é que ambos não têm muito em que surpreender.

O técnico Dorival Junior não vai mudar o estilo de jogo da equipe. A aposta é novamente no quarteto ofensivo, formado por Lucas Lima, Marquinhos Gabriel, Gabriel e Ricardo Oliveira. Gabriel, de 19 anos, é uma das armas de Dorival.

ERRO ZERO Quanto a Marcelo Oliveira, a esperança está nos pés do ex-santista Arouca. Ele jogou normalmente com os reservas diante do Coritiba e deve ser mantido na equipe. A dúvida é apenas sobre qual será o outro volante. Amaral é o mais cotado, para reforçar a marcação e tentar segurar o animado ataque santista, mas Matheus Sales não está descartado.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias