Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 19 de fevereiro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 18/02/2019
Pmmc Leds
Pmmc índices

Jogadores suzanenses viajam ao Chile para disputar campeonato

Ao todo seis jogadores suzanenses foram ao país vizinho para participar da disputa

Por Dennis Maciel - de Suzano30 JAN 2019 - 17h36
Seis atletas de Suzano viajaram para o ChileFoto: Divulgação

Seis jogadores das categorias de base de Suzano estão participando de um campeonato no Chile. Os rapazes, que possuem idade entre 15 e 17 anos, fazem parte do time Relâmpago Araguaia que conta com 59 jogadores na competição internacional.

Os jogadores estão no Chile desde o dia 1º de janeiro, ao todo seis atletas suzanenses foram selecionados para disputar o campeonato. O time Relâmpago Araguay é de São Miguel Paulista e representa todas as categorias de base da região.

Os jogadores estão participando de quatro campeonatos diferentes, que acontecem nas cidades de Ovalle, La Serena, Maipú e Algarrobo, no Chile. As equipes pertencem às categorias sub 13, 14, 15 e 16.

A mãe de um dos jogadores, Edilaine Martins Freire, conta que já é a terceira vez que seu filho vai disputar o prêmio no exterior. “Jadiel Antônio está no Relâmpago Araguaia há sete anos, e atualmente joga como lateral esquerdo. Eu me sinto sim muito orgulhosa, meu filho é um menino de ouro. Sinto muita saudade, mas sei que é o sonho dele”, conta a mãe.

Ela conta que os garotos já chegaram a enfrentar um pequeno terremoto que aconteceu na cidade, durante a semana passada. “A equipe do time me reportou que a cidade onde eles estavam sofreu um terremoto, eu fiquei apavorada, mas graças a Deus tudo ocorreu bem”, afirma Edilaine.

Para a assistente social Regiane Batista, mãe do jogador Victor Pereira, apoiar o sonho do filho é algo essencial. “Ele treina de segunda a quarta-feira, desde as 05h00 da manhã. Reforçamos a importância dele dar prioridade aos estudos, mas apoiamos o sonho dele”, conta Regiane.

Regiane afirma que alguns dos jogadores enfrentam dificuldades financeiras e não possuem condições para bancar os custos que o esporte exige. Em casos como este Regiane afirma que a união entre a equipe e as famílias dos jogadores é a responsável em acabar com qualquer problema.

Todos os times estão disputando os últimos jogos, a final do campeonato está marcada para a próxima quinta-feira. A chegada prevista dos jogadores é para a tarde do próximo domingo, onde os pais pretendem fazer uma festa em homenagem aos competidores.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias