Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 01 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 01/10/2020
ÚNICCO POÁ
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
SOUZA ARAUJO

Lucas Barrios sente dores musculares e pode ficar fora de clássico amanhã

19 FEV 2016 - 07h00

O atacante paraguaio Lucas Barrios pode ser desfalque do Palmeiras para encarar o Santos, neste sábado, no estádio Allianz Parque, em São Paulo, pelo Campeonato Paulista.

O jogador sente dores musculares e passou por exames ontem. O resultado será divulgado hoje.

O curioso é que o clube não quis revelar qual o problema do jogador. Barrios recentemente teve uma inflamação na região lombar em decorrência de uma alteração anatômica de uma vértebra e tem passado por tratamento constante.

O paraguaio não viajou para um torneio amistoso que o Palmeiras disputou no Uruguai no início do ano e perdeu a estreia da equipe no Paulistão contra o Botafogo, em Ribeirão Preto (SP), por causa deste problema.

Outro que também está em recuperação é o zagueiro Edu Dracena. A previsão era que ele voltasse aos gramados na última terça-feira, mas ele não tem previsão para se recuperar de uma lesão na panturrilha direita. Nesta quinta, o técnico Marcelo Oliveira não deu indício do time para o clássico.

REFORÇO? Embora tenha sete atacantes em seu elenco - Lucas Barrios, Gabriel Jesus, Dudu, Rafael Marques, Cristaldo, Alecsandro e Erik -, o Palmeiras pode reforçar ainda mais o setor. O jovem Clayton, do Figueirense, de 20 anos, voltou a entrar nos planos da diretoria, que formalizou uma proposta e aguarda uma resposta do clube catarinense para negociar diretamente com o jogador.

Em outubro do ano passado, o Palmeiras já havia entrado em contato com Jorge Machado, empresário do atacante, para saber a situação do atleta. As conversas não foram adiante naquele momento.

O Figueirense vê no atacante a chance de conseguir recursos para buscar reforços. Além do Palmeiras, o Corinthians e o Atlético Mineiro também demonstraram interesse no jogador, que chegou a ser convocado para a seleção brasileira olímpica.

Em dezembro, o Figueirense pedia R$ 27 milhões por 100% do atleta, valor que afastou os interessados. Com o jogador disposto a sair, a tendência é que o valor diminua. Se contratado, Clayton poderia defender o Palmeiras apenas na próxima fase do Paulistão e da Copa Libertadores.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias