Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 30 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 30/09/2020
Pmmc Sarampo
ÚNICCO POÁ
SOUZA ARAUJO
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Prefeituras da região vão contratar profissionais para combater a dengue

20 SET 2015 - 08h00
As prefeituras da região vão contratar profissionais para combater a dengue. A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo vai colocar 500 agentes a mais nas ruas para o controle de endemias. Além disso, o Estado fará outras ações em parcerias com as administrações municipais.

A Prefeitura de Mogi das Cruzes desenvolve um trabalho permanente de combate e prevenção à dengue, com ações mantidas até mesmo no período de inverno. Já prevendo a aquisição de materiais, equipamentos e recursos humanos. Está em andamento, um novo concurso público para contratação de agentes de controle de vetores. Mogi registrou, até o momento, 858 casos de dengue, dos quais 720 autóctones e 138 importados.

Ferraz de Vasconcelos solicitara, ao Estado, quatro Nebulizadores Costais, 10 Equipamentos de Proteção Individual (EPI), dois drones para melhor monitoramento dos focos, além da contratação de mais 15 agentes.

Ao contrário dos outros municípios Suzano não vai solicitar novos profissionais, pois na cidade há 15 funcionários na área que já desenvolvem a ação.

O secretário de Saúde de Poá, Marco Antônio Grandini Izzo, informou que o auxílio será relacionado aos profissionais contratados pelo estado. Ele afirmou ainda que o objetivo é formalizar proposta, por meio do Condemat, para que esses agentes possam trabalhar de forma regional.

AGENTES

Os agentes vão atuar no bloqueio de casos e eliminação de criadouros, com ações focadas no bloqueio da transmissão do vírus. Foram adquiridos 150 atomizadores costais para aplicação de inseticidas, nove atomizadores acoplados em viaturas, também conhecidos como "fumacês" e 450 kits de Equipamentos de Proteção Individual (EPI), que garantem a segurança dos funcionários.

A secretaria mantém ainda um serviço telefônico no Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE) para que os profissionais de saúde e a população possam compartilhar informações e esclarecer dúvidas sobre dengue e outras doenças diretamente com médicos de plantão.

O disque CVE pode ser contatado pelo 0800-555466, 24 horas por dia, durante toda semana.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias