Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 25 de novembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/11/2020
PMMC MULTI 2020 NOV
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC NOVEMBRO AZUL
Esportes

Tite confirma Ederson no gol e explica Firmino na função de Neymar

Seleção brasileira joga contra a Venezuela hoje, às 21h30

Por Lincoln Chaves - Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional13 NOV 2020 - 17h00
Tite confirma Ederson no gol e explica Firmino na função de NeymarFoto: Lucas Figueiredo/CBF

O técnico Tite confirmou qual o time que enfrenta a Venezuela nesta sexta-feira (13), às 21h30 (horário de Brasília), pelas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo do Catar 2022.  A seleção brasileira terá Ederson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Allan, Douglas Luiz e Everton Ribeiro; Gabriel Jesus, Richarlison e Roberto Firmino. A partida no estádio do Morumbi, em São Paulo, terá transmissão da Rádio Nacional, com narração de André Luiz Mendes, e comentários de Mário Silva e Bruno Mendes.

A diferença da escalação em relação ao treino de quarta-feira (11), quando Tite esboçou a equipe titular, está no gol. Apesar de ter trabalhado entre os reservas, Ederson foi escolhido pelo técnico para sair jogando diante dos venezuelanos. Alisson (que se recuperou de lesão, após ter sido cortado na convocação anterior) e Weverton são as outras opções do setor.

"O Weverton fez dois bons jogos [contra Bolívia e Peru] e vem numa sequência muito boa também no Palmeiras. O Alisson é um excelente goleiro. O Ederson vive um grande momento técnico e físico. Falei pessoalmente com os três, junto do Taffarel [preparador de goleiros]. A gente não julga quem é o melhor. O momento é importante. Por isso, o Ederson será o titular", explicou Tite, em entrevista coletiva nesta quinta-feira (12), na Granja Comary, em Teresópolis (RJ).

O treinador evitou detalhar a formação ofensiva da equipe, que não terá Neymar. O atacante foi cortado na noite de ontem (12), depois que o departamento médico da CBF concluiu que não haveria tempo hábil para a reabilitação do jogador do Paris Saint-Germain (França). O atleta se recupera de uma contusão na perna esquerda. Decisivo na vitória por 4 a 2 sobre o Peru, há um mês, em Lima (Peru), com transmissão da TV Brasil, Neymar dará lugar a Gabriel Jesus, com Firmino fazendo a função do camisa 10.

"Richarlison será o 9 [centroavante]. O Firmino pode ser o jogador mais livre, mais arco do que flecha, diferentemente do outro jogo [contra o Peru], mais articulador. Não quero entrar em mais detalhes, porque temos de preservar a informação, o adversário olha para a gente também. O jogador mais agressivo, que verticaliza e finaliza, é Richarlison. Como ele vai compor com Jesus, [Everton] Ribeiro e o conjunto da obra, aí eu prefiro resguardar", disse o técnico brasileiro.

Na comparação com o time que superou o Peru, serão quatro novidades entre os titulares. Além de Ederson e Jesus nos lugares de Weverton e Neymar, entram o volante Allan e o meia Everton Ribeiro nos lugares, respectivamente, dos cortados Casemiro (positivo para covid-19) e Philippe Coutinho (contundido). Mais quatro atletas foram desconvocados desde a divulgação da lista: dois por lesão (o zagueiro Rodrigo Caio e o volante Fabinho) e dois por covid-19 (o zagueiro Éder Militão e o lateral Gabriel Menino).

"São desafios que todas as seleções têm enfrentado. A convocação teve um número maior [de cortes] do que realmente acontece. Quero olhar esse lado real também. As oportunidades surgem. Em algum momento estava convocado o Pedro, por exemplo, e veio o Richarlison, que se afirmou. Não queremos que problemas de lesões aconteçam, mas também fica a oportunidade para que um atleta de alto nível venha e se apresente", concluiu Tite.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias