Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 01 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 01/10/2020
SOUZA ARAUJO
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
ÚNICCO POÁ

Lance Livre 06/09/2016

06 SET 2016 - 08h00

Sessão da Câmara

A 32ª sessão ordinária da Câmara de Suzano será realizada hoje, às 18 horas. Isso acontecerá porque na quarta é comemorado o Dia da Independência do Brasil.

Cinco itens

Na pauta há cinco itens para votação. Os parlamentares suzanenses votarão quatro pareceres contrários da Comissão Permanente de Justiça e Redação referentes a projetos de Lei que tratam sobre: a obrigatoriedade das escolas da rede pública e privada em efetuarem campanha antidrogas aos seus alunos, o serviço de Psicologia Escolar na rede municipal de Ensino Fundamental e Médio, cujas famílias tenham renda até o limite de três salários mínimos, a instituição da Política Municipal para a população de rua e também da campanha "Faça uma faxina no meio ambiente".

Homenagem

Além dos pareceres, os vereadores votarão ainda o projeto de Lei nº 060/2016 que denomina "Ayla Vitória de Paulo Aguirra" o atual Centro Poliesportivo do bairro Jardim do Bosque. Segundo o texto da propositura, Ayla nasceu em Suzano e sempre se destacou nos meios de seu convívio, principalmente com os estudantes da Escola Municipal Manoel Vicente, onde cursava o 5º ano (antiga 4ª série), e também cursava inglês, e tinha como objetivo exercer a função de psicóloga.

Adepta

Ainda era adepta de atividades esportivas, como a prática do sumô e natação. Destacava-se pelo interesse nos estudos, pelas amizades e, ainda, pela devoção a Igreja Renascer em Cristo, onde despontou com seus trabalhos sociais, além de um cuidado especial aos animais, principalmente os abandonados e/ou de ruas.

TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) realiza hoje, às 18 horas, a Cerimônia de Assinatura Digital e Lacração dos Sistemas que serão utilizados nas eleições de outubro. Na cerimônia, aberta ao público, os sistemas eleitorais serão lacrados e assinados digitalmente pelo presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, e por representantes do Ministério Público, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), dos partidos políticos, do Congresso Nacional, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias