Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 23 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 23/09/2020
PMMC COVID SAÚDE
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Lance Livre - 09/12/2015

09 DEZ 2015 - 07h00

Oportunidade

Pré-candidatos já declarados à Prefeitura de Suzano nas eleições de 2016 vêm percorrendo diversos pontos do município em busca de subsídios para a campanha.

Demandas

Por meio das visitas, eles estão tomando conhecimento das necessidades mais urgentes de vários bairros, como melhorias em vias, em iluminação, em equipamentos públicos, serviços e outros.

Ajuda

As observações dos suzanenses devem servir de apoio para os futuros candidatos.

Atividades

O trabalho na Câmara de Suzano promete ser bastante intenso entre hoje e sexta-feira. Tudo para encerrar as atividades do Legislativo dentro "do prazo".

Projetos

Hoje, os vereadores pretendem colocar em votação o maior número de projetos possíveis para deixar a pauta em dia para o próximo ano.

LOA 2016

Em virtude disso, a votação do Projeto de Lei Orçamentária (LOA) de 2016 precisou ser remanejada para amanhã. A sessão extraordinária está marcada para as 17 horas na Casa de Leis.

Expectativa

E por falar em Câmara, a expectativa é de que a sessão seja mais uma vez acalorada pelo número de trabalhos a serem votados e possivelmente debatidos em tribuna.

Crise nos municípios

Um estudo divulgado pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) mostrou a crise instalada nas cidades brasileiras. Dos 4.080 municípios pesquisados, 98,5% afirmaram sentir os efeitos da crise em sua região. Entre as áreas mais afetadas estão a Saúde e a Educação.

Fase de pesquisa

Entre os meses de setembro e meados de novembro deste ano, ocorreu a fase de pesquisa. A entidade elaborou um questionário e enviou para os 5.568 municípios existentes. Ao todo, 4.080 responderam o que representa uma cobertura de 73% das cidades brasileiras.

Redução de

despesas

Com tantos problemas, em duas áreas consideradas essenciais para a população, muitos gestores já começaram a tomar providências para amenizar os efeitos da crise. A mais comum foi reduzir as despesas de custeio, listada por 89% deles. O que quer dizer enxugar os custos com água, luz e material, por exemplo.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias