Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 23 de setembro de 2018

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/09/2018
PMMC SETEMBRO - ENTRE
MRV AGOSTO - SÁLVIA
PMMC - SETEMBRO FOOD TRUCK SOLIDÁRIO

Lance Livre 14-06-2018

13 JUN 2018 - 23h59
Acessibilidade  
Digital
A Câmara de Suzano vai sediar hoje, às 10 horas, o “Acessibilidade Digital em Ação”. O evento vai discutir uma internet acessível para todas as pessoas. A informação é da Assessoria de Imprensa da Câmara.
 
Atividade  
é gratuito
A atividade é gratuita, aberta a todos os interessados e contará com intérprete da Língua Brasileira de Sinais (Libras), para possibilitar o acompanhamento de pessoas com deficiência auditiva, e audiodescrição, para a narração a pessoas com deficiência visual.
 
Parceria
Realizado em parceira com a Prefeitura de Suzano, o “Acessibilidade Digital em Ação” terá a presença de especialistas no assunto, que falarão sobre a importância do desenvolvimento de sites que possibilitem a navegação e a interação com idosos, daltônicos e pessoas com deficiência. 
 
Temas
Entre os temas que serão apresentados no evento estão semântica e códigos que permitam o acesso, as leis existentes no País para garantir esse direito e depoimentos sobre as barreiras encontradas pelas pessoas com deficiência.
 
45 milhões
Atualmente há mais de 45 milhões de brasileiros com algum tipo de deficiência e que apenas 2% dos sites nacionais são acessíveis.
 
Pioneirismo
O portal da Câmara de Suzano conta com acessibilidade digital, segundo a assessoria. A página conta com uma barra que disponibiliza opções como alto contraste, para pessoas com daltonismo; aumento e diminuição de fontes, para pessoas com problemas visuais; acesso das informações por teclado, para pessoas com restrições motoras; e descrição de imagens, para deficientes visuais.
 
Selo
O portal da Câmara conquistou o Selo de Acessibilidade Digital da Prefeitura de São Paulo, concedido no mês passado pela administração da Capital, por meio da Secretaria Municipal da Pessoa Com Deficiência (SMPED). A Casa de Leis suzanense foi o primeiro órgão público do Brasil, fora do município de São Paulo, a contar com esta certificação de acessibilidade na web.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias