Destaque

Motorista de van é assassinado em Suzano

11/11/2015 07:01


O motorista de van J.C.P., de 66 anos, foi assassinado a tiros durante a madrugada de ontem, na Avenida Washington Luís, no Jardim Gardênia Azul, em Suzano. O motorista já era aposentado, porém, atuava no transporte complementar no município. O caso segue sob investigação da Delegacia de Homicídios de Mogi das Cruzes. A vítima foi encontrada caída no chão com quatro perfurações causadas por disparos de arma de fogo - três na cabeça e uma no peito. Momentos antes ao crime, o aposentado entregou a van que dirigia para outro motorista, que assumiria no período matutino. Ele, então, retornou para casa a pé, quando foi executado. O motivo para a morte violenta ainda é um mistério para a polícia, que iniciou as investigações sobre o caso. Em depoimento à polícia, o filho disse que o pai poderia estar com um revólver calibre 32, que não foi localizado. A Polícia Militar (PM) foi chamada e encontrou apenas um coldre - objeto utilizado para guardar armamentos. Além disso, a polícia não localizou a mochila do aposentado, que continha documentos pessoais, nem testemunha que pudesse ter presenciado o crime. A Delegacia de Homicídios de Mogi informou que o caso já está sendo investigado, mas não há suspeito. VELÓRIO A Cooperativa Suzancooper, responsável pela rede do transporte complementar, informou que o velório e enterro de Perrella ocorreram em um cemitério situado no bairro Tatuapé, na Capital paulista. Entretanto, o local não foi especificado.