Caderno D

Folhetins são premiados no Emmy

25/11/2015 07:00


Duas produções do Brasil foram premiadas no 43º Emmy Internacional, considerado o Oscar da Televisão mundial, na última segunda-feira, em Nova Iorque, nos Estados Unidos. A novela “Império” trama de Aguinaldo Silva da rede Globo levou o Emmy Internacional como melhor novela, e a série, dirigida por Jorge Furtado, “Doce de Mãe”, também da TV Globo, como melhor comédia. Premiações Única emissora do País a ter vencido o Emmy Internacional, a TV Globo tem ao todo 14 estatuetas. Antes das duas premiações desta segunda-feira, a novela "Joia Rara" conquistou o prêmio em 2014. Naquela edição, o CEO e presidente do Grupo Globo, Roberto Irineu Marinho, foi reconhecido com o prêmio de Personalidade Mundial da Televisão. Novamente Em 2013, a novela "Lado a lado" e a própria Fernanda Montenegro levaram o troféu. A atriz ganhou justamente pelo papel de Dona Picucha em "Doce de mãe", lembrada de novo em 2015. Fernanda foi a primeira brasileira a levar na categoria. O diretor-geral da Globo, Carlos Henrique Schroder, fez parte do júri que selecionou os finalistas do 43º Emmy Internacional.