Região

Poá recebe representantes de ministério para implantação de projeto

01/12/2015 07:00


 Poá recebeu ontem técnicos da Agência de Desenvolvimento Regional do Extremo Oeste do Paraná (Adeop) que apresentaram projeto do governo federal que visa trabalhar a sustentabilidade com os agricultores existentes no município. O projeto do Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA), que foi denominado de Assistência Técnica em Extensão Rural (Ater), ajuda os produtores rurais com base na agroecologia, ou seja, a sustentabilidade. De acordo com o secretário municipal de Meio Ambiente, José Edilson Marques Dias, a Prefeitura vai trabalhar em forma de parceria com a Adeop dando o suporte técnico, fazendo a intermediação entre os agricultores. Segundo o coordenador do projeto, o engenheiro Agrônomo Fábio Marcondes Fugiwara, a Ater tem como objetivo possibilitar diversas formas de auxílio aos agricultores familiares, como formas de financiamento, abordagens e participação no desenvolvimento rural. A reunião, destinada aos técnicos da pasta de Meio Ambiente e outros órgãos da Prefeitura como Imposto Sobre Serviços (ISS) e Cadastro Técnico Imobiliário, foi o primeiro passo para o desenvolvimento do projeto no município. Segundo Fugiwara, este primeiro contato tem como objetivo solicitar a parceria da Prefeitura para que possam ser identificados os produtores rurais da cidade e em seguida será marcado encontro com os agricultores para passar mais informações sobre o projeto e verificar quem se enquadra. Para integrar o projeto é necessário que o pequeno agricultor ou futuros trabalhadores da área tenham a Declaração de Aptidão do Pronaf, a DAP, que é utilizada como instrumento de identificação do agricultor familiar para acessar a políticas públicas. A Adeop está desenvolvendo trabalho com 18 municípios da região Metropolitana de São Paulo por meio do Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA)/Incra. Na região os municípios que participam do projeto são Itaquaquecetuba, Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos e Suzano. Os agricultores, pequenos produtores ou interessados em entrar para este campo podem entrar em contato com a Secretaria de Meio Ambiente, por meio do telefone 4636-0869 ou pelo e-mail: bemeduri@gmail.com.