Polícia

Mulher de policial é morta durante assalto

19/01/2016 07:00


A esposa de um policial militar morreu após ser atingida na cabeça, na madrugada de domingo, em Ferraz de Vasconcelos. O casal voltava de uma festa quando assaltantes tentaram roubá-los e após descobrir que ele estava armado atiraram. L.Q.B.A., de 21 anos, chegou a ser resgatada com vida, porém não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. Segundo a Polícia Civil, um adolescente baleado permanece sob escolta policial no Hospital Santa Marcelina em Itaquaquecetuba. Um segundo suspeito já foi identificado, no entanto, permanece foragido. O confronto entre o policial de folga e os assaltantes ocorreu na Avenida Tancredo de Almeida Neves, no Jardim Nossa Senhora do Caminho. O casal não reagiu ao assalto, no entanto, um assaltante descobriu que o policial estava armado e deu uma “ordem” para o comparsa atirar e matá-los. A troca de tiros apenas terminou quando o policial baleou os suspeitos, que fugiram em alta velocidade. O policial ainda percebeu que a esposa foi atingida na nuca, e solicitou a ajuda de policiais militares (PMs) da região, que os encaminharam às pressas ao Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos. A fim de localizar os suspeitos que foram atingidos, os policiais deram um alerta em hospitais da região. A PM foi informada horas depois de que um adolescente, de 17 anos, deu entrada no Hospital Santa Marcelina. Ele foi atingido no pé, e foi reconhecido pelo policial. Um celular encontrado com o assaltante internado resultou na identificação do comparsa. A mãe do criminoso foragido passou à polícia todos os detalhes sobre a sua identificação. Segundo a Polícia Civil, o adolescente apreendido já tinha passagem na Justiça. Agora, a polícia busca informações para localizar e apreender o suspeito foragido.