Cidades

DER registra 11 multas por hora por excesso de velocidade nas rodovias

07/02/2016 07:00


O Alto Tietê registrou 48.036 multas de velocidade nas rodovias Ayrton Senna (SP-70), Henrique Eroles (SP-66), Índio-Tibiriçá (SP-31), Dom Paulo Rolim Loureiro (SP-98), a Mogi-Bertioga; e a Pedro Eroles (SP-88), a Mogi-Dutra, durante os últimos seis meses de 2015. A quantidade é referente a 11 multas aplicadas por hora. O dado foi divulgado pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). Em janeiro deste ano, nas cinco rodovias, já foram registradas 5.459 multas. As rodovias que tiveram mais multas registradas foram a Ayrton Senna, Mogi Dutra e a Índio-Tibiriçá. As duas somam 88% do total de multam de velocidade no segundo semestre de 2015, sendo 42.634 multas. Das 48 mil multas, 44% são da Ayrton Senna, que registrou 21.591 multas. Já 32% são da Mogi-Dutra, que teve 15.568 infrações de motoristas que ultrapassaram o limite de velocidade da via. A terceira rodovia que mais registrou multas foi a Índio-Tibiriçá, com 5.475. A SP-31 é também uma das rodovias de Suzano onde mais acontecem acidentes de carros. A Mogi-Bertioga, registrou 2.341multas por excesso de velocidade. Já na Rodovia Henrique Eroles (SP-66), foram registradas 3.061. Em janeiro de 2016, já foram 4.037 multas por velocidade. A Mogi-Dutra está na frente do ranking de multas neste ano, com 2.013 em um mês. Após, está a Ayrton Senna, com 1.422 e, depois, a Mogi-Bertioga, com 999 multas registradas. Na Rodovia Índio-Tibiriçá foram 648 multas e na Henrique Eroles, 377 em janeiro. O DER não informa os valores arrecadados por meio das multas, pois cada penalidade por excesso de velocidade pode variar, o que, segundo a assessoria, não permite a execução do levantamento. RADARES As cinco rodovias, juntas, possuem 43 radares na região do Alto Tietê. Entre eles estão radares fixos e lombadas eletrônicas nos municípios de Suzano, Mogi das Cruzes, Itaquaquecetuba, Guararema, Salesópolis e Biritiba-Mirim.