Cidades

Cidades da região têm R$ 1,3 bilhão em investimentos de empresas

18/02/2016 07:00


Vinte e uma empresas investiram R$ 1,311 bilhão nas cidades da região. O dado foi divulgado na Pesquisa de Investimentos Anunciados no Estado de São Paulo (Piesp), por meio da Fundação Seade, e são referentes ao ano de 2014. O município com maior valor investido foi Mogi das Cruzes, com R$ 1,197 bilhão. O número aumentou consideravelmente na região em um ano. Isso porque em 2013 haviam sido investidos R$ 116,68 milhões. Mogi teve o maior valor, por conta de um investimento de uma financeira de R$ 1 bilhão para ampliação e modernização da frota de veículos leves e pesados da empresa. Além disso, a cidade contou com investimento de R$ 157,54 milhões de uma construtora de R$ 30 milhões para a implantação de um hotel. O município também teve dois investimentos na área da saúde, como na Santa Casa, porém um dos valores não foi divulgado. O outro foi de R$ 250 mil. Em Suzano, dois investimentos foram registrados, porém em um deles não foi divulgado o valor. O outro é de R$ 46 milhões da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) para a construção da nova estação da cidade. Em outros dois municípios foram registrados projetos da companhia. Em Poá, de R$ 16 milhões, e em Ferraz, de R$ 41,8 milhões. Os dois casos também são para reconstrução da estação. Em Arujá foi citado o investimento para a construção de um shopping, porém o valor também não foi divulgado. Em 2013, Mogi também teve o maior investimento, com R$ 70,68 milhões, seguida de Itaquá e Suzano. Na ocasião, 15 projetos foram computados pela pesquisa. PESQUISA A Piesp faz o acompanhamento sistemático dos anúncios de investimentos produtivos a serem realizados no Estado, por meio da captação diária de informações sobre projetos divulgados pelos principais meios de comunicação. Como resultado deste levantamento são divulgadas informações sobre as empresas e valor dos investimentos por elas anunciados, setores e subsetores de atividade econômica dos empreendimentos, origem do capital investido e tipos de investimento, classificados como Pesquisa & Desenvolvimento, implantação, ampliação ou modernização de unidades.