Cidades

Mais de 1,6 mil grávidas do Bolsa Família vão receber repelente grátis

27/04/2016 08:00


O Governo Federal distribuirá, gratuitamente, repelentes para proteção contra o mosquito Aedes aegypti a grávidas que participam do programa Bolsa Família. No Alto Tietê cerca de 1,6 mil gestantes devem ser beneficiadas. Os dados são do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) referente ao balanço do segundo semestre do ano passado. O órgão realiza o acompanhamento periódico das gestantes participantes do programa social. A medida é uma iniciativa do governo federal e foi determinada por meio de um decreto assinado pela presidente Dilma Rousseff (PT), que entrou em vigor no último dia 22. Com a ação, o governo visa a prevenção das gestantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica contra doenças como a dengue, zika e chikungunya, transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti. Na região, Mogi das Cruzes, Itaquaquecetuba, Ferraz de Vasconcelos e Suzano são as que apresentam, atualmente, maior número de gestantes recebendo o Bolsa Família. Sendo 859; 312; 205 e 144, respectivamente. Já as cidades de Arujá, Biritiba Mirim, Guararema, Poá, Santa Isabel e Salesópolis somaram 137 grávidas sendo monitoradas por meio do programa social. Para a implementação da ação, o MDS atuará de forma conjunta com o Ministério da Saúde. O programa de prevenção e proteção individual de gestantes ocorrerá mediante articulação dos órgãos do Governo Federal com as entidades públicas dos estados e dos municípios. A aquisição e a distribuição dos repelentes serão realizadas pelo Ministério da Saúde, com recursos relativos ao crédito extraordinário em favor do MDS.