Lance Livre

Lance Livre 08/06/2016

08/06/2016 08:00


Depoimentos do Minha Casa, Minha Vida A Comissão de Política Social da Câmara ouviu ontem o depoimento de pessoas citadas nas possíveis irregularidades do programa federal Minha Casa, Minha Vida, em Suzano. Teor da conversa Segundo apuração feita ontem pelo jornalista do DS, Marcus Pontes, o teor da conversa não foi divulgado, mas outros prováveis envolvidos deverão prestar declarações nos próximos dias. Alonso de Almeida O presidente da comissão, Alonso de Almeida (PT), disse que a conclusão do processo está sendo feita de forma emergencial. Número de pessoas Alonso não revelou quantas pessoas foram ouvidas na manhã de ontem. No entanto, o presidente da comissão em que apura as irregularidades, afirmou que o processo segue de forma ágil. Carminha na comissão Conforme o DS já divulgou, a ex-secretária Carmen Lúcia Lorente, a Carminha, também deu depoimento à Comissão sobre as irregularidades no programa federal. Entrevista Carminha ainda concedeu uma entrevista coletiva à imprensa, onde mostrou os arquivos e negou qualquer favorecimento para funcionários comissionados. Apuração A suspeita de irregularidades nos apartamentos do Minha Casa, Minha Vida está sendo investigado pela Prefeitura. A denúncia aponta uma suposta existência de um esquema para beneficiar parentes de servidores públicos do Executivo. Mais pré-candidatos Com o ingresso do publicitário Narim Purgato como pré-candidato a prefeito pelo PMN, em Suzano, a cidade amplia o número de “prefeituráveis”. Até a data das convenções, Suzano será uma das cidades com maior número de concorrentes ao cargo de chefe do Executivo da Prefeitura. 11 concorrentes Até agora, a cidade ainda não atingiu, por exemplo, o número de concorrentes como na cidade de São Paulo. Na Capital paulista são 11 pré-candidatos à Prefeitura nas eleições de 2016, entre eles, o atual prefeito, Fernando Haddad (PT). CP contra Filló Como o prefeito afastado de Ferraz, Acir Filló (sem partido), não compareceu por motivo de saúde na segunda-feira, para fornecer sua versão sobre a suposta irregularidade na contratação da empresa de call center Fala Ferraz, em 2013, a Comissão Processante (CP) da Câmara Municipal estendeu o prazo até sexta-feira para que ele apresente o seu depoimento por escrito. Etapa de instrução Com isso, a comissão encerra a etapa de instrução. O próximo passo será conceder cinco dias úteis para as alegações finais. Ampla defesa Além disso, a comissão marcou a primeira oitiva do acusado do possível crime de infração político-administrativa para o último dia 30, mas, ele não pôde vir.