Cidades

Motorista compromete boa parte do orçamento com estacionamentos

26/06/2016 08:00


Os suzanenses que optam por pagar a mensalidade em estacionamentos, para deixar seus carros mais seguros, chegam a comprometer boa parte do orçamento mensal. Se um trabalhador ganha, por exemplo, um salário mínimo de R$ 880 o comprometimento será de 11%. A média dos estacionamentos cobram cerca de R$ 100 ao mês. Devido ao valor e à crise econômica atual, os comerciantes contam que os estacionamentos têm movimento fraco há quase dois anos. Reajustes nos valores são evitados. Os estacionamentos do Centro variam o preço por hora. Em uma unidade na Rua Felício de Camargo, a estadia de veículos fica a R$ 4 a hora. O adicional por hora é de R$ 2. Nesta unidade, o motorista que precisar estacionar o carro por todo o mês, por pelo menos oito horas diárias, gastaria R$ 18 por dia, sendo pelo menos R$ 360 por mês, já que não há pacote de mensalidade. Para o responsável pelo estabelecimento, o valor mensal não compensa. "Não paga as nossas contas. Existem muitos estacionamentos com o valor muito melhor que o nosso, mas tudo depende do terreno. Aqui nós pagamos aluguel", explicou Eduardo Roberto, de 30 anos. Já Salim Francisco Pereira Filho, de 47 anos, que é proprietário de um estacionamento na Rua Benjamin Constant, tem preços variados. No local, o motorista que precisa ficar menos de uma hora pode pagar R$ 2 por 15 minutos, R$ 3 por meia hora. Já a hora fica por R$ 5. Os valores adicionais seguem a mesma sequência. "Aqui o movimento está bem fraco. Isso já faz uns dois anos. É devido a essa crise que tanto se fala. O pessoal ficou com medo e parou de gastar dinheiro. Por isso estamos evitando o reajuste nos preços", explicou. Na unidade, o preço mensal é de R$ 100. Na Rua Baruel, o estacionamento do proprietário Gil Humbner a hora é de R$ 4 e as demais é mais R$ 2. "A procura está baixa e isso é mesmo devido à crise. Nos dias de pagamento, o estacionamento recebe em média entre 100 e 110 carros avulsos. Em dias normais, esse número cai pela metade. A procura maior tem sido dos mensalistas. Enquanto a diária custa R$ 12, a mensal custa R$ 90. Ou seja, a diária sai uns R$ 3 para quem opta pela mensalidade", explicou. De acordo com Humbner, as vantagens do estacionamento é a segurança. "Se o carro é arranhado, cobrimos o risco. Na Zona Azul você paga o talão, mas seu carro fica na rua e ninguém o assegura", comentou.