Cidades

Comissão da OAB de Suzano vai fiscalizar eleições municipais

11/08/2016 08:00


A Comissão Eleitoral da OAB de Suzano vai fiscalizar possíveis irregularidades nas eleições municipais neste ano. As ações visam dar suporte jurídico ao processo eleitoral. Além disso, a entidade estuda a realização de um debate eleitoral no município com os sete candidatos a prefeito. A informação foi divulgada pelo presidente da ordem, Wellington da Silva Santos. A unidade também busca trazer palestras de orientação aos advogados sobre as novas regras eleitorais. De acordo com Wellington, para que seja possível a realização do debate, a unidade aguarda autorização e recursos da OAB de São Paulo. "Estamos estudando trazer um debate dentro da OAB com os candidatos a prefeito. A dificuldade de organização está por conta do financeiro. Anos anteriores fizemos um debate com os candidatos a vice-prefeito", contou o presidente. Ainda de acordo com ele, a concretização dos projetos da OAB é esperada para antes do início do período eleitoral, que começa na próxima terça-feira. "Ainda não temos previsão. Fizemos pedido para São Paulo. Queria ter uma posição concreta antes no inicio das campanhas, mas depende da seccional de São Paulo", explicou. A data também é referente às palestras que a OAB pretende trazer para atender os advogados de Suzano. "Estamos tentando, através da comissão de cultura, trazer palestras sobre o processo eleitoral. Nossa orientação será no aspecto jurídico, somente para os advogados", comentou Wellington. Segundo ele, as mudanças feitas pela Justiça Eleitoral alteraram as regras eleitorais. "Para que a gente possa assegurar uma eleição bem democrática e tentar ajudar o município com essas possíveis fraudes eleitorais, com o poder econômico. Proibir a propaganda eleitoral irregular. Essa é a nossa ideia, rever as regras". Também para fiscalizar os candidatos, a OAB tem a Comissão Eleitoral que já teve cinco advogados nomeados. Para Wellington, o esperado que é tudo seja feito cumprindo a lei. "Eu espero que os candidatos tragam propostas concretas para a melhoria da nossa cidade e desenvolvimento das condição de segurança. E que todos os candidatos cumpram a lei, uma vez cumprindo, o trabalho da OAB vai ser bem fácil. A Ordem vai estar preparada para ajudar que o pleito ocorra da melhor forma possível".