Cidades

Em três anos, 188 motoristas são suspensos por dirigir embriagados

16/08/2016 08:00


De 2013 a 2015, 188 motoristas suzanenses tiveram o direito de dirigir suspenso em decorrência de infração de alcoolemia, por dirigir embriagados. Somente no primeiro trimestre deste ano, 14 condutores sofreram a penalidade. Os dados são do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP). Segundo o órgão estadual, 54.262 motoristas foram suspensos em todo Estado no mesmo período, sendo que no primeiro trimestre deste ano, 6.766 condutores tiveram o direito de dirigir suspensos. Em Suzano, foram 188 suspensões, sendo 37 em 2013, 67, em 2014, e 84, no último ano. O condutor flagrado sob efeito de álcool recebe multa de R$ 1.915,40 e responde automaticamente ao processo de suspensão do direito de dirigir pelo período de um ano. Além disso, fica obrigado a realizar o curso de reciclagem. A diretora da autoescola Técnica, Tamara Said, explica que após a suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) por alcoolemia e entrega no Ciretran o motorista fica obrigado a realização do curso de reciclagem. A disciplina tanto pode ser feita na autoescola quanto em uma plataforma on-line. O curso possui carga horária de 20 horas e prova final presencial com 30 questões. "Quem tem frequência no curso tem 100% de aprovação. No curso on-line é preciso acertar 70% da prova. O exame é aplicado a um aluno por vez em uma sala altamente monitorada pelo Detran.SP. O ambiente conta com cinco câmeras de vigilância", comenta. O curso custa em média R$ 280 e tem foco em direção defensiva, primeiros socorros, legislação e meio ambiente. "Após conclusão da reciclagem, com o certificado em mãos, o condutor retorna ao Ciretran para retirada dos pontos da CNH". Tâmara revela ainda que 80% dos alunos do curso de reciclagem costumam ser homens, mas frisa que as suspensões por limite de velocidade ainda são mais comuns, sendo que muitos condutores reincidem.