Cidades

Cidades economizam 11,3 bilhões de litros de água em um ano, diz Sabesp

13/05/2015 08:00


Desde que foi implantado o programa de bônus para os consumidores reduzirem o consumo de água, há um ano, o Alto Tietê economizou aproximadamente 11,3 bilhões de litros de água. O índice é suficiente para o abastecimento das cidades atendidas pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) por três meses. O bônus começou a valer em abril do ano passado. O valor das bonificações variava entre 10% e 30%. De lá para cá, 81% dos clientes da região aderiram ao consumo consciente. A média de clientes que receberam o desconto é de 70%, de acordo com a companhia. A Sabesp atende a oito dos dez municípios do Alto Tietê. São eles: Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Poá, Salesópolis, Suzano e mais os bairros da Divisa, localizados em Mogi das Cruzes. Para companhia, os índices alcançados no período “comprovam a eficácia das ações adotadas, como a concessão do bônus e a gestão de pressão das redes”. E também atribui aos resultados, a "adesão maciça da sociedade para enfrentar a maior crise hídrica já registrada na Região Metropolitana de São Paulo".

MAIS ECONOMIA Para manter os bons índices de consumo e evitar desperdícios, a Sabesp recomenda aos clientes que continuem colaborando com medidas simples como reduzir o tempo do banho e fechar o chuveiro enquanto se ensaboa; evitar lavar carros e calçadas com água potável se possível substituí-la por água da máquina de lavar roupas; manter a torneira fechada ao escovar os dentes ou fazer a barba.