Polícia

Traficante internacional é preso em Itaquá por suspeita de liciar mulheres

Suspeito buscava mulheres de diversas nacionalidades para agirem como espécie de 'mulas' do narcotráfico

12/02/2019 14:05


Responsável por aliciar mulheres a se tornarem 'mulas' do narcotráfico, um traficante internacional de nacionalidade nigeriana foi preso nesta terça-feira (12) pela Polícia Militar, em Itaquaquecetuba. Ele é alvo de investigação da Polícia Federal (PF). A ação aconteceu na Rua Sete Lagoas, na Vila Virgínia.

A investigação descobriu que o nigeriano estava escondido na região. O suspeito tinha como função aliciar mulheres de diferentes nacionalidades para se tornarem 'mulas' do narcotráfico, com o objetivo de transportarem cocaína pura para países como Etiópia e África do Sul. 

A primeira tentativa em prendê-lo foi realizada nessa segunda-feira à noite. Policiais federais seguiram ao endereço, porém não o encontraram. Apesar disso, três quilos de cocaína foram encontrados. Logo pela manhã desta terça-feira, a PM de Itaquá recebeu informações de que o nigeriano teria retornado ao imóvel.

Segundo a polícia, o suspeito estava prestar a deixar a residência. A hipótese é que ele tenha descoberto que a cocaína foi encontrada. Uma nova busca foi realizada na residência. Os PMs recolheram um celular, dinheiro e roupas, que seriam usadas para esconder entorpecentes e entregá-las às mulheres aliciadas. 

O caso foi apresentado na Delegacia da Polícia Federal, no Aeroporto de Guarulhos. 


Marcus Pontes - de Itaquá