Região

Chuva danifica sistema de delegacias e vítimas precisam fazer 'peregrinação'

Unidades de Ferraz de Vasconcelos, Poá e Suzano estão com problemas no registro de boletins

09/01/2020 10:31


Atualizado às 15h03

O temporal que caiu no Alto Tietê e castigou a região traz outras consequências. As delegacias de Ferraz de Vasconcelos, Poá e Suzano estão com problemas para registrar boletins de ocorrência. (B.Os). O DS esteve de manhã na Delegacia Central e uma vítima relatou a 'peregrinação' para registrar uma ocorrência.

Em Suzano, o sistema apresentou problemas durante a chuva, por volta das 17 horas. O plantão da noite não conseguiu registrar nenhum B.O, em virtude dos danos causados por causa do temporal. 
 
A situação foi igual em Ferraz de Vasconcelos. Houve demora para elaborar o registro do encontro do corpo de uma mulher, que foi arrastada pela enxurrada e encontrada morta por afogamento dentro de uma empresa, no bairro Tanquinho.
 
O caos causado pela chuva não só afetou o trânsito de Poá. A delegacia da cidade também ficou sem sistema e, por isto, o problema afetou também o registro de ocorrências. 
 
Por outro lado, a unidade central de Itaquaquecetuba não apresentou nenhum problema e os atendimentos estão tranquilos na manhã desta quinta-feira, 9. 
 
Em nota, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) disse que o sistema foi restabelecido nas duas primeiras unidades. Técnicos trabalhavam para sanar a situação da unidade suzanense. (confira nota completa abaixo)
 
 
A Polícia Civil informa que, em razão da interrupção no fornecimento de energia decorrente das fortes chuvas que atingiram a Região Metropolitana na tarde de ontem, o registro de ocorrências nas delegacias de Poá, Ferraz de Vasconcelos e Suzano foi temporariamente interrompido. O sistema já foi reestabelecido nas duas primeiras unidades e os técnicos trabalham para regularizar a situação em Suzano.

Marcus Pontes - da Região