Cidades

Casos de homicídio caem 26,6% até agosto em Suzano, aponta SSP

Neste ano, foram registrados 11 casos. Já em 2019, foram computados 15 casos

28/09/2020 23:30


O número de casos de homicídios registrados nas delegacias de Suzano caiu 26,67% de janeiro a agosto de 2020 em comparação ao mesmo período do ano passado. Nos primeiros oito meses deste ano, foram contabilizados 11 casos. Já em 2019 foram computados 15 casos de homicídio doloso, quando há intenção de matar. Os dados são da Secretaria de Segurança Pública (SSP).
 
Dos 11 casos registrados neste ano, dois ocorreram em agosto. Outros dois casos de homicídio foram contabilizados em março. Contudo, janeiro e fevereiro foram os meses que mais registraram o crime. Cada período computou três casos. Um caso foi registrado em maio.
 
Já nos primeiros oito meses do último ano, março abril e agosto registraram três casos de homicídio cada um. Maio e junho vem na sequência do ranking com dois casos computados em cada mês. Além disso, foi contabilizado um caso tanto em janeiro quanto em julho.
 
Região
 
Ao todo, 78 casos de homicídio foram registrados neste ano nas delegacias das 10 cidades do Alto Tietê.
 
Itaquaquecetuba lidera o ranking com 21 casos. Na segunda posição vem Mogi das Cruzes com 17 casos de homicídio. Suzano e Ferraz de Vasconcelos vêm na sequência com 11 casos da uma. Arujá segue a lista com cinco casos registrados até agosto. Santa Isabel e Biritiba Mirim computaram quatro casos cada uma. Já Guararema e Salesópolis tiveram dois casos de homicídio cada uma. Poá foi a única cidade que registrou apenas um caso.

Lucas Lima - de Suzano