Editorial

Datas antecipadas

17/06/2021 05:00


O governo estadual vem antecipando as datas de vacinação e alcançando um número maior de pessoas com menos idade.
Há uma grande expectativa de vacinar toda a população paulista até setembro. A região, por meio da Câmara Técnica de Saúde do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat), garante que tem condições de cumprir o prazo de vacinação, mas faz ponderação para que o Estado faça a divulgação das datas com certa antecedência para preparar o processo de vacinação nas cidades.
As prefeituras têm recebido as informações sobre os novos grupos no dia em que o anúncio é feito, o que, muitas vezes, dificulta a preparação da campanha.
Na edição de ontem, o DS trouxe reportagem mostrando que com mais uma antecipação da campanha de vacinação anunciada no último domingo (13) pelo governador João Doria (PSDB), a previsão estabelecida é que o Estado consiga vacinar todos os adultos acima de 18 anos até o dia 15 de setembro. Na região, a Câmara Técnica estima que isso ocorra, mas para isso, conta com a entrega pontual das novas doses para conseguir acompanhar o calendário anunciado.
A reportagem mostrou também que, de acordo com o consórcio, o maior desafio dos municípios da região tem sido em estabelecer uma comunicação antecipada com o Governo do Estado com as informações de previsão de envio de doses e quantitativos. Geralmente, as cidades ficam sabendo no mesmo dia em que recebem as doses. Segundo a Câmara Técnica de Saúde, isso prejudica na comunicação e agendamento prévio da população. Além disso, a entidade conta que a quantidade de doses enviadas seja compatível com a necessidade dos grupos a serem imunizados.
Apesar dos desafios da comunicação entre o governo e as prefeituras, a campanha de vacinação na região é avaliada como positiva pela Câmara Técnica de Saúde. Segundo a entidade, há o empenho dos municípios, que, mesmo diante de toda dificuldade, vêm cumprindo o cronograma e avançando com a imunização dos grupos.
Na expectativa para que o calendário anunciado pelo governador consiga ser seguido e aplicado para a população do Alto Tietê, a coordenadora da Câmara Técnica de Saúde do Condemat, Adriana Martins, destacou a importância de as pessoas continuarem seguindo os protocolos sanitários até que o índice de vacinados seja considerado satisfatório pelos órgãos de saúde.
É muito importante que o trabalho de vacinação seja rapidamente alcançado por todos os grupos de idade. A vacina é, sem dúvida, a única forma de se proteger contra a Covid-19.