Cidades

Preço do adubo traz dor de cabeça para produtores rurais

Agricultores relatam melhora nas vendas, mas alta no preço do adubo preocupa quem cuida das plantações

05/12/2021 10:00


O alto preço do adubo tem preocupado os produtores rurais de Suzano. Segundo relatos, esse é o principal problema que os agricultores estão precisando lidar atualmente. As vendas de hortaliças, por outro lado, melhoram, conforme relatos dos agricultores.
 
Antonio Carlos Quadra disse que paga entre R$ 280,00 a R$ 300,00 em um saco de 50 kg do insumo. Ele administra uma horta na Estrada dos Fernandes, na Casa Branca, em Suzano. “Se usarmos de verdade, gastamos R$ 6 mil por plantio”, calcula.
 
Na lavoura de Quadra, as vendas ainda não trouxeram o resultado esperado. No entanto, ele se mostrou esperançoso. “Estamos conseguindo escoar. Vamos ver o que vai acontecer daqui para frente”, estimou.
 
É o mesmo problema relatado pelo agricultor João Maria Gonçalves. Em sua horta, apesar das dificuldades, as vendas melhoraram entre 30% a 40%. Ele comemora a evolução. “Está melhorando. Agora é continuar evoluindo. Poderia baixar um pouco mais o preço do adubo”, avaliou.
 
Mesmo diante deste cenário, Gonçalves tenta vender as hortaliças por um preço mais justo. “Poderia abaixar mais o preço das coisas. O adubo está muito caro. O valor das verduras não muda”.
 
Para Edson Rosa da Silva, o preço das verduras não abate o gasto com insumo. Apesar da melhora gradativa das vendas, o produtor rural não tem produzido muito. Para 2022, ele espera uma melhora no preço do insumo, principalmente do adubo. “Está bastante caro agora. Não está compensando comprar. O preço da verdura não paga o insumo que você gasta. Estou produzindo pouco. O preço das verduras não cobre o que gasto com o insumo”, finalizou. 

Thiago Caetano - de Suzano