Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
Segunda 11 de Dezembro de 2017

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 10/12/2017
mrv

Ciclista morre após atravessar repentinamente e atingir ônibus na Major Pinheiro Fróes

Caso foi registrado como homicídio culposo (quando não há intenção de matar)

Por Marcus Pontes - de Suzano05 DEZ 2017 - 13h22
Acidente aconteceu na Avenida Major Pinheiro Fróes (SP-66)Foto: Divulgação

O pintor Agnaldo Sousa Paiva, de 46 anos, morreu depois de atravessar a Avenida Major Pinheiro Fróes (SP-66), em Suzano, e atingir a parte da frente de um ônibus intermunicipal. Ele empurrava uma bicicleta e chegou a ser levado com vida à Santa Casa da cidade, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. A informação sobre o fato foi divulgado nesta terça-feira (5).

O acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (4). No boletim, o motorista do ônibus disse ter visto o ciclista segurando uma bicicleta no meio fio da pista. A suspeita era de que a vítima estivesse tentando atravessar a Major Pinheiro Fróes, que é uma das avenidas mais movimentadas do município, em razão de ser a interligação de três cidades: Poá, Suzano e Mogi das Cruzes.

Ainda no registro do caso, o motorista do coletivo falou que viu o momento em que a vítima estava na pista central e, de modo repentino, movimentou-se e acabou atingindo a parte da frente do ônibus. Com o impacto, o ciclista teve fraturas pelo corpo.

O resgate levou a vítima com vida ao Pronto-Socorro (PS) da Santa Casa de Suzano. Contudo, o ciclista não resistiu aos ferimentos e morreu. O local do acidente passou por perícia. A Polícia Civil, no entanto, não divulgou quais serão as linhas da investigação.

O caso foi registrado como homicídio culposo (quando não há intenção de matar) na direção de veículo automotor.

 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias