Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 26 de maio de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/05/2020
DIARIO DE SUZANO SOLIDÁRIO

Delegado do Garra, Eduardo Boigues destaca ações contra o crime organizado durante pandemia

Operação Gregor, desenvolvida na região, é uma das iniciativas de combate aos índices criminais

Por Marcus Pontes - da Região09 ABR 2020 - 12h09
Durante operação, um adolescente foi apreendido por suspeita de participar de um rouboFoto: Polícia Civil/Divulgação

O Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra) divulgou um balanço de prisões durante a a Operação Gregor. No total, cinco pessoas, foram capturadas nas cidades de Mogi das Cruzes e Poá. Destas, dois são adolescentes. Segundo o delegado da especializada, Eduardo Boigues, a ofensiva de combate ao crime vai continuar para os próximos dias. 

Levantamento do Garra aponta que dos cinco capturados, dois foram por tráfico de drogas. Uma das prisões foi a de um homem, de 39 anos, no Jardim Náutico. O outro caso é de uma adolescente, de 14 anos, na Vila Paulista. Na ocasião, ela portava mais de 200 porções de drogas e R$ 58. 

Os índices de determinados crimes não tiveram trégua diante da pandemia do coronavírus. É um exemplo o tráfico de drogas. Na região, as polícias Civil e Militar desenvolvem ações para combater a prática ilegal. 

Segundo Boigues, a especializada realizou, ainda, a captura de dois indivíduos procurados da Justiça. Ambos tinham condenações por furto, e estavam soltos.

Dos cinco casos, um foi em Poá. Trata-se da apreensão de um adolescente, de 17 anos, na Avenida Vital Brasi, no último dia 5. Policiais estavam na cidade, quando souberam sobre uma tentativa de assalto. O trio de criminosos fugiu sentido à linha férrea. 

Um dos suspeitos foi capturado e uma pistola de brinquedo apreendida. Na ocasião, o adolescente admitiu ter agredido a vítima na cabeça, uma mulher, de 27 anos. Disse, ainda, que a arma de brinquedo quebrou ao atacá-la. 

"Não há data para o término da operação. A ação está sendo desenvolvidas por todas as delegacias especializadas. O recado que posso deixar é: se você (criminoso) estiver na rua, a gente vai prendê-lo. Minha promessa de capturar todo e qualquer procurado da Justiça permanece firme e forte", afirmou Boigues. 
 
O delegado, ainda, pontuou que, caso haja necessidade, o departamento está disponível e aberto à população. "A participação das pessoas é muito importante para podermos tirar da rua criminosos e oferecer uma sensação de segurança maior", destacou.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias