Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 29 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 29/10/2020
DR JÚLIO CÉSAR - JURÍDICO CDP
Pms Coronavírus - Fase Verde
Pmmc Sarampo Outubro
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC COVID VERDE

Idoso tem dedo cortado durante assalto em Mogi

24 OUT 2015 - 07h01

Assaltantes armados invadiram uma casa, cortaram o dedo de um aposentado, de 71 anos, e amordaçaram a esposa dele, de 69. O crime aconteceu na madrugada de ontem, na Avenida Henrique Eroles (SP-66), no Alto do Ipiranga, em Mogi das Cruzes. A idosa disse à polícia que por pouco também não foi ferida pelos criminosos, que conseguiram retirar uma aliança de ouro. Os assaltantes conseguiram fugir levando joias, eletrônicos e a quantia de R$ 4 mil. A polícia suspeita que os criminosos sejam os mesmos que cortaram o dedo de um comerciante, de 73 anos, e jogaram o filho dele, de 42, do telhado, na última terça-feira, no Mogi Moderno.

A invasão à casa dos aposentados aconteceu às 4 horas, quando os criminosos acordaram as vítimas no quarto em que dormiam. Os três criminosos estavam armados com facas e um revólver. Eles iniciaram as ameaças de morte e obrigaram o casal a entregar valores em reais e dólares que poderiam estar guardados na residência. No período em que o casal era feito refém, um criminoso disse que, caso não fosse entregue nenhum valor, as vítimas iriam ter os dedos cortados ou até mesmo decepados.

Um ladrão ficou no quarto dos aposentados revirando os móveis em busca de dinheiro, enquanto os comparsas procuravam objetos de valor espalhados pela casa. Depois de encontrarem joias, eletrônicos e R$ 4 mil, os criminosos, novamente, ameaçaram as vítimas e, neste momento, um assaltante cortou o dedo indicador do aposentado. Por pouco a idosa também não teve um dedo cortado, pois os bandidos conseguiram retirar uma aliança de ouro. Após pegar os valores em dinheiro, notebook, relógios de pulso, aparelhos celulares e uma câmera digital, os bandidos conseguiram fugir.

A Polícia Militar (PM) foi chamada e conseguiu socorrer o aposentado à Santa Casa de Mogi das Cruzes, onde ele foi atendido e depois liberado. A polícia intensificou as rondas na região, mas não conseguiu localizar suspeitos. A suspeita é que os criminosos tenham invadido a casa após escalarem o portão e serrarem uma janela.

OUTRO CASO

A Polícia Civil investiga se a quadrilha é a mesma que invadiu a casa de um comerciante na última terça-feira. Na ocasião, um menor, de 17 anos, foi apreendido.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias