Envie seu vídeo(11) 97569-1373
segunda 19 de agosto de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 17/08/2019
CENTERPLEX 15 A 21/08
PMMC - TRATA BRASIL
Recreio Sertãozinho

Polícia analisa se suposta traição pode ter motivado assassinato brutal de mulher

Corpo de Suzana Gonçalves, de 30 anos, foi enrolado em um lençol

Por Marcus Pontes - de Suzano18 JUL 2019 - 13h13
Crime aconteceu na casa do casal no bairro Recreio SertãozinhoFoto: Polícia Militar/Divulgação
A polícia analisa se uma suposta traição pode ter sido o motivo para o assassinato brutal de uma mulher, de 30 anos, no bairro Recreio Sertãozinho, em Suzano. Ela foi espancada e morta pelo companheiro, de 37 anos, durante a manhã desta quinta-feira, 18, no imóvel onde morava. O corpo dela chegou a ser enrolado em um lençol. 
 
A versão do suspeito dada policiais militares (PMs) é de que o assassinato foi motivado por uma traição. O casal discutiu durante a manhã. O homem, que tem passagens na Justiça por furto e receptação, afirmou que ingeriu bebidas alcoólicas e, após a briga, espancou a companheira até a morte. Disse também que não usou nenhum tipo de objeto, para atingir a vítima. 
 
A Polícia Civil analisa também se o suspeito pode ser o responsável por invasões e furtos na região do bairro Recreio Sertãozinho. A análise sobre estes crimes está em andamento. 
 
O DS apurou que o homem irá ser autuado em flagrante por feminicídio por motivo fútil. Ele deve passar por audiência de custódia ainda esta semana. O caso foi registrado no 2º Distrito Policial (DP) do Boa Vista.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias