Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 20 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 18/10/2020
PMMC OUT ROSA
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
Pmmc Sarampo Outubro
PMMC MULTI 2020
ÚNICCO POÁ

Quadrilha faz arrastão e sofre acidente em Ferraz

03 FEV 2016 - 07h00

Cinco assaltantes, de 15 a 27 anos, ficaram feridos após colidirem frontalmente em um ônibus, ontem de madrugada, na Rua Maria Caetano Abreu, no bairro Cambiri, em Ferraz de Vasconcelos. O grupo fugia de um cerco policial depois de roubar clientes de uma lanchonete situada na Rua Capitão Pedro Esperidião Hoffer, no Jardim Nova Poá, em Poá. Duas criminosas permanecem internadas em estado grave.

Clientes da lanchonete foram surpreendidos pela quadrilha, às 20h30. Um bandido fornecia a segurança para os comparsas, que passavam pegando telefones celulares e possíveis quantias em dinheiro. Com os itens, o bando saiu do comércio e fugiu.

Uma viatura policial estava em patrulhamento pelo bairro e, assim, a população local avisou sobre o crime. Em seguida, os policiais conseguiram encontrar o carro ocupado pelos criminosos, que iniciaram a fuga. A perseguição policial terminou após o motorista colidir em um ônibus, no bairro Cambiri.

O coletivo não transportava passageiro no momento do acidente. Com o impacto da batida, os ocupantes ficaram feridos.

A polícia verificou o carro e encontrou os celulares roubados e um revólver calibre 38. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) socorreu os feridos para duas unidades hospitalares do município: Hospital São Marcos e o Hospital Regional.

Segundo a polícia, o estado clínico das suspeitas era o mais grave. A jovem, de 20 anos, teve uma fratura no braço esquerdo e traumatismo no tórax. O estado da adolescente, de 15, não foi especificado. Porém, acredita-se que seja mais delicado, pois ela foi transferida ao Hospital Santa Marcelina, em Itaquaquecetuba.

A polícia ainda informou que apenas um assaltante foi medicado e liberado. Ele está na carceragem da Delegacia Central de Ferraz. O restante do bando permanece internado sob escolta policial.

Quando tiverem alta médica, eles deverão ser encaminhados à Cadeia Pública e a unidades da Fundação Casa da região.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias