Envie seu vídeo(11) 4745-6900
terça 25 de janeiro de 2022

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/01/2022
Centro médico influenza
COVID CENTRO MÉDICO
PMMC PEDÁGIO CANCELADO

1ª Assembleia para Conferência de Igualdade Racial é realizada em Poá

Evento realizado no Teatro Municipal teve como finalidade discutir propostas de demandas à população negra

Por de Poá14 JAN 2022 - 22h00
Assembleia teve como finalidade discutir propostas à população negraFoto: Ronaldo Andrade/Secom Poá
Em parceria com o Conselho Municipal de Igualdade Racial (Compir), Poá realizou desta quinta-feira (13) a 1ª Assembleia para Conferência de Igualdade Racial de Poá. Realizado no Teatro Municipal Turíbio Ruiz, o evento realizou debates e discussões de propostas para demandas da população negra no município.
 
Cerca de 60 pessoas prestigiaram o evento que foi marcado pela busca do fim da discriminação e racismo, bem como a luta pelo respeito e justiça. “Temos que nos unir para teremos condições de obter o que queremos que é o fim da discriminação. Toda luta é difícil e cheia de obstáculos, mas sem união, esse caminho se torna ainda mais árduo e longo”, afirmou Honório Costa, integrante do COMPIR.
 
O vice-prefeito Geraldo Oliveira fez questão de prestigiar o evento e parabenizar os organizadores pela ação, além de destacar a importância da Assembleia. “A Administração Municipal está aberta para receber e discutir todas as demandas que vocês encaminharem. É inaceitável ainda termos que conviver com o racismo em pleno século 21, sabendo-se que o que vemos ainda é uma pequena parte de uma discriminação que ocorre em nossa sociedade, de forma oculta ou indireta. Não podemos mais aceitar isso como ‘normal’ e por isso fico muito satisfeito em ver conferências sendo realizadas, justamente, com o intuito de buscar mudanças e igualdade. Parabéns a todos os envolvidos”, destacou.
 
Também presente à Assembleia, o secretário de Cultura, Ariel Borges, ressaltou que a Pasta está de portas abertas à população negra e se colocou à disposição para futuras ações, sejam elas no Teatro Municipal ou em espaços pertencentes à Municipalidade.
 
“Vale relembrar que o primeiro evento realizado pela Secretaria, aberta ao público, após o período de quarentena causado pela pandemia da Covid-19, foi a exposição ‘Consciência Negra’, no último dia 20 de novembro e, hoje, estamos promovendo a 1ª Assembleia Assembleia para Conferência de Igualdade Racial de Poá na cidade. Posso afirmar que é só o começo, queremos muito mais e contamos com o COMPIR para promover a cultura negra na cidade. Desde já, coloco à disposição os espaços municipais como, por exemplo, a Praça da Juventude, para a realização de eventos e ações voltadas para a cultura afro. Estou muito feliz em receber vocês aqui e afirmo que a Secretaria de Cultura está de braços abertos para recebê-los”, enfatizou.
 
O evento contou com o apoio do Conselho Estadual de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra da Secretaria de Justiça e Cidadania (CPDCN), órgão que tem o objetivo de desenvolver estudos relativos à condição da comunidade negra e propor medidas que visam à defesa dos seus direitos, a eliminação das discriminações e plena inserção na vida socioeconômica e através de Políticas Sociais e Culturais

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias