Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 29 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 29/10/2020
Pmmc Sarampo Outubro
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC COVID VERDE
PMMC MULTI 2020
Pms Coronavírus - Fase Verde

Alunos da rede municipal de Mogi farão avaliação online nesta semana

Sistema estará aberto neste período e o aluno poderá escolher o dia em que fará a avaliação

Por de Mogi25 SET 2020 - 22h40
Alunos vão realizar prova de forma virtual em MogiFoto: Divulgação
A Secretaria Municipal de Educação de Mogi das Cruzes fará entre os dias 30 de setembro e 3 de outubro uma avaliação online para alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental da rede municipal de ensino. A avaliação será feita por meio do sistema Simulados, programa utilizado pelos alunos e professores para atividades de Língua Portuguesa e Matemática.
 
O objetivo da avaliação é auxiliar os professores no processo de ensino e de aprendizagem dos estudantes, que tem sido feito de forma remota com videoaulas nas redes sociais da Secretaria de Educação e pela TV Câmara e também com o envio de atividades complementares elaboradas pelos professores das turmas.
 
O sistema estará aberto neste período e o aluno poderá escolher o dia em que fará a avaliação. As escolas estão entrando em contato com os pais e responsáveis para orientações e estão à disposição para esclarecer quaisquer dúvidas. Em caso de dificuldade com o acesso à internet, a família poderá retirar a avaliação impressa na escola.
 
Retorno das aulas
 
Prévia de pesquisas realizadas pelas cidades do Alto Tietê revela que 90% dos pais são contrários a volta às aulas presenciais na região.
 
O governo do Estado anunciou, ontem, que o retorno das aulas, previsto para 8 de setembro, foi adiado para 7 de outubro (veja mais no caderno de nacional).
 
Em reunião na tarde desta de ontem, os prefeitos do Condemat revelaram que a retomada das aulas presenciais é a decisão mais difícil dessa pandemia, por envolver milhares de profissionais e estudantes, sendo a rede municipal voltada.
 
"Se tivesse que tomar uma decisão hoje sobre a volta das aulas presenciais em setembro, como previsto inicialmente, o Alto Tietê se posicionaria pela postergação do calendário. Com o anúncio do Estado de adiamento para outubro, as cidades terão mais tempo para avaliar os impactos e planejar a retomada, dentro de um cenário que é muito dinâmico", ressalta o presidente do Condemat, prefeito Adriano Leite (PL). 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias