Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 29 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 29/10/2020
Pms Coronavírus - Fase Verde
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC COVID VERDE
Pmmc Sarampo Outubro
PMMC OUT ROSA

Após indecisão, Juliane Gallo segue como vice de Dr. Rafu em Ferraz

Desta forma, fica suspenso os efeitos da convenção partidária realizada pelo ex-presidente do órgão na cidade

Por de Ferraz29 SET 2020 - 23h00
Juliane Gallo foi nomeada presidente do partido e será vice em 2020Foto: Divulgação
O juiz da 401ª Zona Eleitoral de Ferraz de Vasconcelos, Fernando Awensztern Pavlovsky, emitiu nesta segunda-feira (28) uma decisão deferindo o pedido de tutela de Urgência formulado pelo Diretório Estadual do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB). Essa decisão mantém a especialista em Direito do Consumidor, Juliane Gallo, como vice do candidato do Partido Liberal (PL), Dr. Rafu Jr.
 
Desta forma, fica suspenso os efeitos da convenção partidária realizada pelo ex-presidente do órgão municipal no município. 
 
A resolução deve-se ao anúncio do ex-presidente do partido em Ferraz, alegando ser candidato a vice-prefeito do município pelo PSDB, em coligação com o Rede Sustentabilidade, mesmo não tendo mais vínculos com a agremiação. Desde julho de 2020, a especialista em Defesa do Consumidor Juliane Gallo foi nomeada presidente da legenda na cidade.
 
No documento expedido nesta segunda-feira, Pavlovsky explica que a decisão segue a manifestação do Ministério Público Eleitoral, emitida em 23 de setembro com parecer favorável à nova diretoria comandada por Juliane Gallo, e que as alegações de que o ato de intervenção do Diretório Municipal do PSDB foi praticado de forma unilateral pelo presidente do órgão regional não procedem.
 
A decisão destaca ainda que “houve efetivamente uma reunião da comissão da Executiva Estadual em que se deliberou a intervenção, indicando-se os nomes dos componentes da Comissão Interventora” e esclarece que é certo que o presidente destituído teve ciência do que teria fundamentado o ato interventivo. “Dessa forma, em uma análise preliminar, não se verifica nenhuma mácula em relação ao processo de intervenção efetuado pelo diretório estadual”.
 
Além da decisão do Ministério Público e da 401ª Zona Eleitoral, no último dia 18, o secretário do PSDB para a região do Alto Tietê, Daniel Teixeira Lima, publicou uma carta aberta a Ferraz, em que enaltecia a candidatura de Juliane Gallo. “A Comissão Executiva do PSDB de São Paulo vem a público manifestar seu apoio incondicional à candidatura de nossa filiada Juliane Gallo, que legitimamente representa o partido na cidade de Ferraz de Vasconcelos, notadamente em razão de sua conduta afinada com as diretrizes do partido”.
 
De acordo com o secretário-geral do PSDB Ferraz, Diego Santos, o Dieguinho, o PSDB de Ferraz segue com Juliane Gallo e, a partir de agora, o ex-presidente não poderá mais falar em nome do partido e nem promover qualquer ato correlacionando o PSDB. “Essa decisão impõe um fim à discussão. Nossa presidente é Juliane Gallo e, quanto à campanha, seguimos na chapa como vice do Dr. Rafu Junior, do PL (Partido Liberal)”, concluiu.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias