Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 23 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/09/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC COVID SAÚDE

Armando da Farmácia: 'Quero ajudar a população mais carente'

07 SET 2016 - 08h00

Prefeito de Itaquaquecetuba por duas vezes seguidas, entre 2005 e 2012, Armando Tavares Filho (PR), o Armando da Farmácia, tenta concorrer mais uma vez ao cargo. Na última sexta-feira, ele teve a candidatura indeferida por conta da Lei Ficha Limpa. Apesar disso, crê que poderá obter sucesso na defesa e contou ao DS o desejo de uma administração focada na saúde, segurança e educação.

Armando comentou sobre a sua situação eleitoral. "Temos um problema na Justiça, mas isso está sub judice. A oposição fica batendo, mas tenho direito de recorrer em São Paulo e até em Brasília, em última instância. Até onde der vamos recorrer". O candidato a vice de sua chapa é Alexandre Miranda (PR), o Padre Alexandre.

O político comentou que está realizando uma campanha "quase 24 horas". Ele já percorreu todos os bairros da cidade e agora está retornando a todos eles. Ele contou quais são as principais reivindicações da população. "Segurança pública e saúde. A saúde está um descaso total em Itaquaquecetuba. Não teve avanço nenhum. Quanto à segurança, a cidade está apagada. Tem uma resolução do governo federal de 2014, no qual ele deu autonomia a todos os municípios para fazer iluminação pública. Não é mais a Bandeirantes. Fazer uma concorrência pública para iluminar Itaquá. Isso traz segurança para a população", declarou.

Ainda sobre a segurança, Armando da Farmácia deseja cumprir a lei que concede à Guarda Civil Municipal (GCM) o poder de polícia, com a utilização de armas de fogo. Ele possui um projeto de construção de 22 bases da GCM, com duas viaturas e seis motos em cada uma.

Na área da saúde, o candidato do PR comentou sobre os principais projetos. "A prioridade é recuperar as UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) e os postos de saúde que o atual prefeito devolveu ao governo federal. Voltar com o Centro de Especialidades da Mulher e a Saúde da Criança. E construir o hospital que já tem o prédio alugado".

Na educação, a prioridade é a construção de creches. "Na área da educação é fazer mais creches. Pela lei federal, hoje é obrigação dos municípios darem vagas de creche", relatou.

Armando acredita que suas gestões anteriores e os problemas atuais sofridos pela população serão fundamentais para convencer os eleitores. "Não tem saúde, vagas nas creches, não temos iluminação. Na nossa época, construímos 42 unidades educacionais em Itaquá. A população acredita em Armando da Farmácia, porque sabe que trabalhamos".

Entre 1988 e 2000, o político foi vereador de Itaquá por três mandatos consecutivos. Ele crê que essa experiência é fundamental a quem busca o cargo de prefeito. "Acho que todos os candidatos a prefeito deveriam ter passado na Câmara para mostrar o que ele fez. Isso é de suma importância. Sempre fui o mais bem votado como vereador e sempre procurei trabalhar. A Câmara é uma ‘escolinha’, você aprende a conhecer a cidade, o orçamento", disse.

Caso vença as eleições, ele quer trabalhar com pessoas da própria cidade, que demonstram compromisso. Afirmou que não se importará com as filiações partidárias, mas sim com a qualidade do profissional. "Para mim, eleição é igual jogo de futebol, é 90 minutos. Acabou, acabou. Eu não fico com essa rixa. Precisamos fazer a somatória para pegar o pessoal e ver quem é bom".

Para finalizar, o candidato deixou um recado ao eleitor: "Quero deixar uma mensagem bem clara ao povo de Itaquá. Eu, Armando da Farmácia, quero ser eleito prefeito novamente para ajudar a nossa população mais carente, voltar ao social e fazer uma administração em cima da segurança, saúde e educação".

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias