Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 15 de agosto de 2018

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 14/08/2018
PMMC AGOSTO - ANTIRRÁBICA
MRV AGOSTO - SÁLVIA
PMMC AGOSTO - VACINAS

Borges acompanha obras na Vila Lúcia e determina serviços na cidade

13 AGO 2015 - 08h01
A interligação da Rodovia SP-66 e a Rua Benedito Estancial, ambas na Vila Lúcia, em Poá, estão recebendo obras de revitalização. Na tarde de terça-feira o prefeito Marcos Borges (PPS) visitou os locais dos serviços.

No local estão sendo realizadas melhorias desde a construção de novo calçamento, implantação de academia ao ar livre, jardinagem, até a pavimentação asfáltica da Rua Benedito Estancial.

O Chefe do Poder Executivo verificou todos os pontos da obra, que tem a previsão de ser entregue em 30 dias.

Acompanhado do vereador Jorge Monteiro (Madruga), o prefeito caminhou pelas redondezas, verificando o que precisava ser mudado com relação ao sistema viário e determinando aos setores responsáveis por cada área as adequações necessárias, como o Departamento de Trânsito com a implantação de "botoeiras" (elementos de comando que servem para energizar ou desenergizar contadores) em dois pontos da Avenida Nove de Julho (próximo à entrada de Poá) para facilitar a passagem de pedestres.

Caminhando com técnicos da Secretaria Municipal de Obras, de Serviços Urbanos (SSU) e de Transportes, Borges terminou a sua vistoria na rotatória da SP 66, divisa da cidade com Itaquaquecetuba. Neste local, o prefeito solicitou à Secretaria de Obras que elabore um novo projeto para a praça.

Para o Chefe do Executivo, a área não atende a necessidade da população. No espaço foi feito um chafariz que está desativado, pois quando estava em funcionamento causava risco aos usuários devido ao grande fluxo de veículos do local.

"Vamos elaborar um projeto que atenda a real necessidade dos moradores, oferecendo área de lazer, mas com segurança aos seus usuários. É uma readequação que se faz necessária, pois os veículos pesados (carretas e caminhões) não possuem espaço suficiente para manobras, causando risco aos pedestres", concluiu o prefeito.
 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias