Envie seu vídeo(11) 97569-1373
segunda 21 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 20/09/2020
PMMC COVID SAÚDE
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

ExpoMogi começa na quinta com horário ampliado e mais atrações

30 AGO 2016 - 08h00

Na sua sétima edição, a ExpoMogi 2016 começa na quinta com mais atrações e horário ampliado para atender ao público. Instalada no Pró-Hiper Mogilar, a estrutura terá atividades empresariais, cultura e gastronomia. Serão quatro dias de festa, com entrada franca. A realização é da Prefeitura e da Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC).

A programação e os detalhes foram apresentados ontem. Entre as novidades anunciadas está o horário estendido de funcionamento e a ampliação da área gastronômica. A visitação será aberta ao público amanhã, às 10 horas, logo após o desfile cívico, e poderá ser feita até as 23 horas. Nos demais dias, os portões estarão abertos das 11 às 23 horas.

Na parte gastronômica, que é uma das atrações da ExpoMogi, o número de estandes foi ampliado para gerar mais opções ao público. Serão 37 tendas de alimentação, a maioria delas comandada por entidades sociais.

Na área destinada aos negócios, serão mais de 70 estandes/pontos de venda e exposição, com a participação de mais de 80 empresas entre expositores e patrocinadores. "Todos os estandes foram comercializados. Foram mais de seis meses trabalhando no evento e o empresário viu na Expo Mogi uma oportunidade de negócios, uma oportunidade para sair da crise", destaca a presidente da ACMC, Tânia Fukusen Varjão.

A programação cultural contempla espetáculos de teatro e shows com artistas locais e atrações especiais como César Menotti & Fabiano, NXZero, Victor & Leo e Moacyr Franco. "Como a Expo terá um horário ampliado, também ampliamos as atrações para o público e teremos, por exemplo, mais sessões de teatro", destaca Mateus Sartori, secretário municipal de Cultura.

A ExpoMogi terá exposições de artesanato e artes, com a participação de mais de 100 artistas. "A parte empresarial movimenta a economia da cidade, mas a parte artística também gera o que chamamos de economia criativa e os artistas esperam muito pelo evento. Só para citar um exemplo, no ano passado tivemos um artesão que vendeu R$ 4.800 em quatro dias de festa. Isso é seis vezes mais do que ele vende num mês", diz Sartori.

Segurança

Com expectativa de um público mínimo de 25 mil pessoas/dia, a ExpoMogi terá reforço na segurança nos quatro dias de festa. Por dia serão empregados 160 agentes de segurança, entre policiais militares, guardas municipais e segurança privada, além de brigadistas, atiradores do Corpo de Bombeiros e agentes de trânsito. "Será montado um esquema muito forte para proporcionar segurança para a família", diz o secretário municipal de Segurança, Eli Nepomuceno.

Um bloqueio, com corredores de gradis, será montado na entrada da festa para revista prévia aos visitantes, com o objetivo de impedir o acesso de bebidas alcoólicas e outros objetos. O consumo de bebidas será permitido no interior da festa, mas somente com cadastro prévio. "O videomonitoramento móvel também será uma importante ferramenta empregada e a população vê com bons olhos todas essas ações", comenta o secretário.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias