Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 27 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 27/10/2020
SOUZA ARAUJO
PMMC MULTI 2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC OUT ROSA
PMMC COVID VERDE

Ferraz apresenta Plano Municipal de Medidas Socioeducativas

04 DEZ 2015 - 07h00

 Ferraz de Vasconcelos, por meio da Secretaria de Promoção e Desenvolvimento Social, fará apresentação do Plano Decenal Municipal de Medidas Socioeducativas de Meio Aberto. O evento acontece hoje, das 9 às 12 horas, no Anfiteatro do Palácio da Uva Itália (Rua Pedro Foschini, 200 - Romanópolis).

Baseado na legislação vigente e no Estatuto da Criança e Adolescente (ECA), o plano foi idealizado após reuniões semanais ao longo do ano (de março a outubro) entre a Secretaria de Promoção e Desenvolvimento Social e integrantes dos seguintes órgãos: Conselho Municipal dos Direito da Criança e Adolescente (CMDCA), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e as secretarias municipais de Educação, Saúde, Juventude, Esporte e Lazer, Cultura e Turismo, Segurança e Mobilidade Urbana, Indústria, Comércio, Ciências e Tecnologia, Habitação e o Conselho Tutelar.

O público-alvo do plano são os jovens que estão em liberdade assistida e prestação de serviços à comunidade. A apresentação será feita para lideranças, profissionais técnicos e administrativos de apoio logístico da rede de serviços, para ciência e apropriação do Plano Municipal de Medidas socioeducativas de Meio Aberto.

De acordo com a secretária de Promoção e Desenvolvimento Social, Fran de Oliveira, a intenção é legitimar o Creas como líder primeiro nas ações técnicas que fundamentam as garantias de direito ao adolescente que cometeu ato infracional. "É preciso assegurar a estes jovens o pleno desenvolvimento como pessoa humana e social, nomeando os parceiros complementares, definidos nos textos legais, públicos e ou privados".

O Plano Decenal Municipal de Medidas Socioeducativas de Meio Aberto será executado ao longo de 10 anos (2015 a 2025), pela Gestão Municipal. Por ele, os profissionais se comprometem a documentar toda ação ou intervenção junto ao adolescente jovem, encaminhando os registros realizados com indicadores de resultados.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias