Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 25 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/09/2020
PMMC COVID SAÚDE
Pmmc Sarampo
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Gian Lopes e Marquinhos da Indaiá oficializam candidaturas em Poá

05 AGO 2016 - 08h00

O PR e o PDT oficializaram, na noite de ontem, durante convenção partidária em Poá, a candidatura do republicano Giancarlo Lopes, o Gian Lopes, e do pedetista Marcos Ribeiro da Costa, o Marquinhos da Indaiá, para prefeito e vice-prefeito, respectivamente. Além os dois partidos, ouros nove fazem parte da coligação. Sendo eles o PV, PTN, PSDC, PT, DEM, PSD, Pros, PSL e PP. Na ocasião, também foram apresentados 137 vereadores para a disputa das eleições municipais. Cerca de três mil pessoas acompanharam o evento.

O candidato a prefeito, Gian Lopes, falou sobre como focará na população buscando renovação e mudança. "Hoje começa uma nova história para Poá. Somos pessoas do povo e gostamos de gente. Aqui está a mudança. Trabalharemos para fazer de Poá uma cidade ideal para se viver. Todos, juntos, vamos colocar a cidade no caminho do futuro. Poá irá se tornar cidade referência do Alto Tietê", destacou.

O trabalho e a aliança PR - PDT foi destacado pelo vice-prefeito Marquinhos da Indaiá. "Poá vai mudar. Poá vai crescer. É o início de uma nova etapa. E junto, eu e Gian, vamos trabalhar 24 horas pela população poaense".

Apoiando as candidaturas, compareceram ao encontro, o presidente do diretório estadual do PR, José Tadeu Candelária; os deputados republicanos Márcio Alvino (federal) e André do Prado (estadual); a deputada federal do PTN, Renata Abreu; além dos candidatos a prefeito e vice-prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuchi (PR) e Walmir Pinto (PDT).

Dentre as propostas que serão apresentadas nas candidaturas, a coligação tem como prioridade investir em segurança pública, saúde e educação. A criação de uma base policial em todas as entradas da cidade; monitoramento por câmera 24 horas na cidade; criação de uma maternidade e dos programas Pró-Mulher e Pró-Criança; e zerar a demanda de creches na Educação Infantil são alguns dos projetos que devem ser apresentados.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias