Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Logo de aniversário de 60 anos
domingo 19 de setembro de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 19/09/2021
CREA-SP
GrupoIndy
SEC DE GOVERNO - CAMPANHA: CORONAVIRUS - VALE GÁS - FASE II
ManArc
PMMC REDESCUBRA MOGI
Infosiga

Número de mortes no trânsito no Alto Tietê registra leve queda até junho

No ano anterior foram registrados 79 casos. Já neste ano despencou para 78 casos

Por Lucas Lima - da Região26 JUL 2021 - 13h04
Número de mortes no trânsito no Alto Tietê tem leve queda até junhoFoto: Divulgação

O número de acidentes de trânsito com morte no Alto Tietê caiu 1,27% entre janeiro e junho deste ano em comparação com o mesmo período de 2020. No ano anterior foram registrados 79 casos. Já neste ano despencou para 78 casos, ou seja, apenas um a menos. Em junho, a região se manteve com o mesmo número de acidentes fatais (13) em comparação com o mesmo mês do ano passado. Os dados são do Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo (Infosiga SP).

De acordo com o relatório, fevereiro deste ano continua como o mês com o maior número de casos de acidentes de trânsito com mortes. Ao todo, foram 21. Em comparação com o mesmo mês de 2020, o número é 90,91% maior, já que em no segundo mês do ano passado foram registrados 11 acidentes fatais.

Junho vem na sequência, com 13 acidentes de trânsito com mortes. Como citado, o número se manteve em comparação ao mesmo período de 2020.

O especialista em trânsito Nobuo Aoki Xiol afirmou que faltam medidas para reduzir o número de acidentes fatais na região. "O Alto Tietê tem mantido o número de mortes mesmo em época de pandemia. Em uma análise genérica vejo que os acidentes ainda resultam em mortes, indicando que não está se tendo uma medida eficaz para inibí-los. Entre uma das ações que pode ser tomada é a instalação de radares", explica.

Janeiro e março computaram 12 acidentes de trânsito com mortes, cada um, neste ano. Março manteve o mesmo número de acidentes fatais em comparação ao mesmo período de 2020. No entanto, em janeiro deste ano foi registrado queda de 20% em comparação ao primeiro mês do ano passado. De 15 casos em 2020 caiu para 12 em 2021.

Já em abril caiu de 13 para nove mortes no trânsito, ou seja, uma queda de 30,77%.

Primeiro quadrimestre

No primeiro quadrimestre de 2021, o número de acidentes de trânsito com morte na região cresceu 5,88%, em comparação com o mesmo período de 2020. No ano anterior foram registrados 51 casos nos primeiros quatro meses. Já neste ano saltou para 54 casos, ou seja, três a mais. 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias