Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Logo de aniversário de 60 anos
segunda 02 de agosto de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 01/08/2021
Cruzeiro do Sul
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
GrupoIndy

Poá realiza neste sábado mutirão de vacinação contra Covid-19 e Gripe

Objetivo do Departamento de Vigilância em Saúde é imunizar os munícipes que não conseguiram comparecer antes

Por de Poá18 JUN 2021 - 21h58
Poá vai imunizar pessoas contra Covid e Influenza neste sábadoFoto: Rodrigo Nagafuti/Divulgação
O município de Poá realiza neste sábado (18), o Dia D da Vacinação contra a Covid-19 e Influenza (Gripe). O objetivo é atender aos munícipes que integram o público-alvo e que não conseguem comparecer aos postos de aplicação da vacina durante a semana. A imunização contra o novo coronavírus será realizada na Praça da Bíblia. Já contra a H1N1, H3N2 e Influenza B, nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Calmon Viana e Jardim Nova Poá, além do Centro de Saúde (CSII), das 9 às 15 horas.
 
A divisão dos pontos de vacinação, segundo o Departamento de Vigilância em Saúde, tem o intuito de diminuir o risco de aglomerações no ato da aplicação da vacina. “Fizemos uma logística que tem como objetivo oferecer o melhor serviço ao cidadão, para que todos possam ser imunizados de forma rápida e sem risco de aglomerações”, afirmou o diretor do departamento, Leonardo Barbosa Garcia.
 
O mutirão da vacina contra a Influenza será realizada nas UBSs Tito Fuga (rua Maria Helena, 159 – Calmon Viana), Doutor Cypriano Monaco (rua Esperidião Hoffer, 223 – Jardim Nova Poá) e Centro de Saúde (CSII) Farid Domingues (avenida Padre Anchieta, 146 – Centro), das 9 às 15 horas. O público-alvo são as pessoas com comorbidades; portadores de deficiência física; caminhoneiros; trabalhadores do transporte coletivo rodoviário; trabalhadores portuários; forças de segurança e salvamento; forças armadas e funcionários do sistema prisional; população privada de liberdade; adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas.
 
“A vacinação contra a gripe está com baixa adesão, foram 18 mil aplicações até o momento, e é um número muito baixo. É muito importante se imunizar contra a gripe, porque assim se previne de diversos problemas decorrentes da doença causada pelo vírus H1N1 como, por exemplo, internações, óbito e a sobrecarga nos serviços de Saúde, além de reduzir os sintomas que podem ser confundidos com os do novo coronavírus (Covid-19)”, disse Leonardo.
 
Para receber a aplicação do imunizante contra a Covid-19, o munícipe que pertence aos grupos de pessoas com idade acima de 50 anos sem comorbidades, síndrome de down 18+, profissionais da Educação 18+, pessoas com deficiência permanente grave sem Benefício de Prestação Continuada, gestantes e puérperas com e sem comorbidades 18+, com BPC 18+, transplantados 18 e pessoas com comorbidades 18+, deve comparecer na Praça da Bíblia (rua Vicente Guida s/n – Centro), das 9 às 15 horas. 
 
“É importante frisar que não pode tomar as duas vacinas (gripe e Covid) no mesmo dia, já que existe a orientação para que se respeite um intervalo mínimo de 14 dias entre as aplicações”, finalizou o diretor do departamento.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias