Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 25 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/09/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
Pmmc Sarampo
ÚNICCO POÁ
PMMC COVID SAÚDE

Região recebe 33 mil novas doses para vacinação contra a gripe H1N1

27 MAI 2016 - 08h00

Cinco municípios do Alto Tietê estão retomando a vacinação contra o vírus da Influenza H1N1, com o repasse da Secretária Estadual de Saúde de 33 mil novas doses para atender os grupos de risco que não tinham recebido a imunização. A informação foi divulgada pelas Secretárias de Saúde de Suzano, Ferraz de Vasconcelos, Poá, Arujá e Mogi das Cruzes.

A imunização é destinada aos grupos de risco que incluem crianças de 6 meses a menores de 5 anos, gestantes, mulheres no período pós-parto, pessoas com mais de 60 anos, profissionais de saúde, portadores de doenças crônicas e indígenas. A meta estipulada pelo Ministério da Saúde é que os municípios vacinem pelo menos 80% dessas classes. Apesar de atingir o esperado, as cidades de Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes e Suzano, têm 15.146 pessoas desses grupos sem a imunização.

O município que mais recebeu a vacina foi Mogi das Cruzes, com 14 mil doses que serão distribuídas à todas as pessoas com prioridade. Em Poá chegaram três mil doses na última segunda-feira, que já foram distribuídas nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e de Estratégia e Saúde da Família (ESF) do município.

A Secretária de Saúde de Suzano informou o recebimento de 10 mil doses da imunizante que começaram a ser aplicadas ontem. Elas devem ser utilizadas tanto para a vacinação das crianças que precisam da segunda dose, tanto para o resto dos grupos. Ferraz recebeu quatro mil doses e Arujá recebeu duas mil. A Prefeitura de Guararema informou que a campanha se encerrou no dia 20 de maio e que não será retomada.

No início do mês, os municípios do Alto Tietê haviam receberam 16 mil novas doses da vacina contra a H1N1, que foram utilizadas para a imunização das crianças que precisavam receber a segunda dose. De acordo com estes municípios, aproximadamente 18,6 mil crianças estariam sendo vacinadas, duas mil a mais que a quantidade de vacina disponibilizada.

SINTOMAS

Nariz entupindo, coriza, dor de cabeça, esses são os sintomas da gripe Influenza A/ H1N1, semelhantes ao de uma gripe comum. As orientações médicas são de que sejam feitas exames clínicos em hospitais, uma vez que a doença pode levar a morte, e não apenas a automedicação, como o habitual. Além disso, pessoas resfriadas são orientadas a espirrar ou tossir no antebraço, pois, ao usar as mãos para tapar a boca, a transmissão do vírus pode se amplificar.

Idosos e crianças estão no grupo de risco, assim como pessoas com doenças crônicas como bronquite, fibrose cística ou displasia broncopulmonar.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias