Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 24 de junho de 2018

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 24/06/2018
PMMC ATIVA DESKTOP
MRV WEB - SUPREME
PMMC - DESKTOP

Viveiro de Mudas do Parque Leon Feffer em Mogi será reinaugurado nesta sexta-feira

Espaço foi remodelado e manterá o objetivo de produzir mudas para a arborização da cidade

Por de Mogi14 JUN 2018 - 18h41
Outra novidade do viveiro municipal é o Circuito Escola, uma atividade voltada para as escolas e população em geralFoto: Junior Lago/PMMC

O viveiro de mudas do Parque Leon Feffer será reinaugurado nesta sexta-feira (15), a partir das 10 horas, como parte da programação do Junho Verde. O espaço foi remodelado e manterá o objetivo de produzir mudas para a arborização de Mogi das Cruzes, mas passará a oferecer novas atividades, como os projetos Plantadores de Sombra e Circuito Escola.

O secretário municipal do Verde e Meio Ambiente, Daniel Teixeira de Lima, explica que a arborização do município é uma ação contínua e acontece de várias formas. Uma delas é a atuação da Prefeitura, por meio do plantio de árvores em praças e espaços públicos. Outra ocorre por parte da população – pessoas que cultivam plantas e árvores em casa ou em espaços comunitários. O programa de arborização da cidade prevê o plantio de 50 mil árvores até 2020.

“A existência de um viveiro bem estruturado é fundamental neste processo. O espaço já existia aqui no Leon Feffer e, com algumas melhorias que fizemos, ele ficou mais funcional e diversificado”, observa o secretário. O projeto Plantadores de Sombra estimulará a população a plantar mudas e árvores, com orientações técnicas específicas. O resultado a médio e longo prazo é a ampliação da cobertura verde do município, o que aumenta o conforto térmico e a qualidade do ar.

Outra novidade do viveiro municipal é o Circuito Escola, uma atividade voltada para as escolas e população em geral. Os alunos e as pessoas que forem ao viveiro aprenderão mais sobre temas como erosão, ação das chuvas sobre áreas desmatadas e técnicas como plantio de mudas germinadas a partir de tubetes, onde é feito o transplantio para recipientes maiores com objetivo de “engordar” as mudas para aumentar o porte e plantio nas ruas e praças. “Também teremos um horta no local, para demonstrar na prática os resultados de todo este trabalho”, complementa o secretário do Verde.

Os técnicos da Secretaria do Verde farão ainda a apresentação de um modelo de sintropia – um sistema de preparação natural do solo. Na prática, a sintropia prepara o solo para o plantio usando uma mescla de verduras, leguminosos e frutíferas. Para manter o solo úmido, a sintropia usa cobertura de folhas e material decomposto da própria plantação. O processo promove uma adubação natural e enriquece a terra, melhorando a qualidade da produção e dispensando a utilização de componentes químicos. 

Caminhada Ecológica

No sábado, dia 16, a partir das 8 horas, será realizada a Caminhada Ecológica, entre o Parque Centenário e o Parque Municipal, incluindo uma trilha de 1,5 km por dentro da mata. No mesmo dia, só que às 10 horas, será celebrada uma Missa Campal pelo bispo Dom Pedro Stringhini, no Parque Municipal, na chegada da Caminhada Ecológica.

Os eventos continuam na próxima semana. Na quarta-feira, dia 20, acontecerá o Mogi + Água, projeto de saneamento rural em parceria com o Trata Brasil para início imediato de 10 pontos na zona rural, que receberão tratamento da água antes de voltar para o Rio Tietê. Já no domingo, dia 24, haverá o Passeio Ciclístico, uma iniciativa em parceria com a Secretaria de Esportes e Lazer que estimulará a prática de exercícios físicos, partindo do Paque Centenário em direção a Sabaúna. 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias