Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 20 de novembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 19/11/2019
PMMC MIGO
Pmmc Refis 2019
PMMC NOVEMBRO AZUL
Pmmc maternidade
PMMC SEGURANÇA

Dia do Maçom

22 AGO 2015 - 08h00

A Ordem Maçônica ainda é bastante desconhecida por grande parte de nossa gente. Mesmo que tenha atuado e atue em nossa história real, ainda que de modo muito discreto, mesmo antes de nossa Independência.

Hoje sabemos que Tiradentes, com o apoio maçônico, esteve em Portugal, buscando apoio da recém estabelecida República dos Estados Unidos da América. Solicitou e conseguiu aprovar para o Rio de Janeiro: implantação de um porto, o que não existia em fins do século XVIII; sistema de distribuição de agua para a população e um armazém. Esse armazém guardaria o trigo que seria vendido pelos americanos em troca do apoio militar para a nossa Independência. Esses dados estão no Arquivo do Tombo, em Lisboa. Os lideres americanos eram todos maçons. Mas, como sabemos, a Inconfidência Mineira foi traída, e o líder, Tiradentes, o único condenado a morte.

Depois de nossa Independência, em 1822, a Maçonaria também atuou fortemente, tendo a frente José Bonifácio. Como atuaram em favor da Libertação dos Escravos, e pela implantação da República. E continuou presente, até hoje, com seu clamor de "Liberdade, Igualdade e Fraternidade", ainda que com discrição, em todos os movimentos democráticos de nosso País.

"Maçom" é palavra francesa que significa "pedreiro". Vem da Antiguidade, com a construção de templos. Ampliados pela ação dos Cavaleiros da Idade Média. Foram perseguidos, massacrados, como pela Inquisição, também sabemos. Obrigando-os a se tornarem secretos e, hoje, discretos. A partir do século XVIII, deixaram de erguer templos físicos, para reconhecer que cada homem é um templo e ele é que precisa aprimorar-se.

A Ordem Maçônica não é religião. Acredita em Deus, o Grande Arquiteto Do Universo. Destaca a Humanidade, a Família e a Pátria. Mesmo com apoio aos mais necessitados, não é instituição filantrópica. Acredita que a Humanidade pode melhorar se cada um buscar se aperfeiçoar. Se pensarmos numa imagem de pedreiro, uma pedra bruta sempre pode se tornar polida. Todos podemos nos tornar melhores, juntos e com vontade.

A nossa Suzano, em 1890, ergue-se dando nomes a ruas de maçons eméritos, como Benjamin Constant, Glicério, Campos Sales, Deodoro e outros. Em 1999, foi estabelecida a Lei Municipal nº 3.328, projeto do Vereador Edmir Pereira Vidal, que instituiu o "Dia do Maçom" em Suzano, a ser comemorado anualmente no dia "20 de Agosto", dentro do calendário oficial da Cidade.

Com certeza, podemos nos aprimorar lapidando cada pedra de nosso próprio templo.



Suami Paula de Azevedo

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias