quarta 21 de fevereiro de 2024Logo Rede DS Comunicação

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 34,90 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/02/2024
Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Editorial

Documentário para a história

30 março 2023 - 05h00Por editoracao

O Diário de Suzano lançou, nesta quarta-feira (29), o documentário “Suzano: 1949 - O que a história conta?”. Um trabalho iniciado neste ano para comemorar o aniversário da cidade.
O material audiovisual é, sem dúvida, uma forma de contribuir para a história da cidade, uma vez que, até agora, não havia produção igual.
A história de Suzano é riquíssima em detalhes. Antes da emancipação, em 1949, a cidade já havia passado por uma grande história.
Era uma vila de passagem, no século XVIII, de pessoas que seguiam de São Paulo para o litoral. 
Esse local foi crescendo. Se desenvolveu. 
Cresceu para o bairro do Baruel e se transferiu para a região central, na atual Rua Dr. Prudente de Moraes, por causa da estação de trem. 
Aliás, a Parada Piedade, como se chamava a estação de trem, totalmente de madeira, se transformou depois em uma estrutura melhor a partir do momento em que o chefe da ferrovia, de Mogi das Cruzes, Joaquim Augusto Suzano Brandão, autorizou a reforma. Então, nada mais justo do que homenageá-lo. 
A cidade se desenvolveu em muitas esferas. Margeada pela Rodovia Índio-Tibiriçá (SP-31), a cidade alcançou sucesso. 
Cresceu após a vinda da estação e com a colaboração do funcionário da estação Antônio Marques Figueira, fundamental para a construção da Igreja Matriz.
Pela cidade passam os prefeitos que deixam, cada um, sua contribuição.
Abdo Rachid, por exemplo, foi o prefeito.
Na Câmara, o primeiro presidente foi o fundador do jornal Diário de Suzano (DS), Thadeu José de Moraes. 
A história da cidade foi contata neste documentário, que poderá ser acompanhado também nas plataformas da rede social do DS.
Essa rica trajetória, de uma jornada repleta de acontecimentos mereceria, sem dúvida, ser abordada.
A partir de agora, o material está à disposição como uma doação para a cidade. Algo que ficará como consulta. Assim, o jornal cumpre também sua missão de informar, de contribuir com os acontecimentos da cidade.
Que a cidade possa, cada vez mais, se desenvolver e garantir a continuidade de sua história cheia de vitórias e desafios.